Foi anunciado nesta segunda-feira (13), que o Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia (HC-UFU) reduziu por tempo indeterminado o recebimento de novos pacientes. Com exceções,de casos de extrema gravidade. O principal motivo é a falta do repasse de mais de R$ 26 milhões de origem municipal, estadual e federal, o que tem gerado a falta de diversos tipos de insumos, como medicamentos, materiais e até alimentos básicos.A diretoria da unidade apresentou, nesta manhã, diversos argumentos para o fechamento parcial da instituição, que já tem, desde o último fim de semana, 40% dos leitos vazios. Os pacientes já internados terão seu tratamento concluído.

O caso é tratado como a crise mais grave da história do hospital, que corre o risco de fechar as portas se a situação não mudar.
.

Fonte: Gazeta de Uberlândia