A Secretaria Municipal de Finanças fez a postagem nesta terça-feira (29) dos mais de 290 mil carnês do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) de 2016. Nesta semana eles começam a chegar à casa dos contribuintes por meio dos Correios. Em relação ao ano passado, o valor teve reajuste de 10.

97% com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). A carta de isenção também será enviada a partir desta semana.

O pagamento pode ser feito em cota única com desconto de 5%, até 11 de abril, ou sem desconto, até 2 de maio. O contribuinte também pode optar pelo parcelamento em seis vezes.

A primeira parcela tem vencimento no dia 11 de abril e as demais nos dias  10 de maio, 10 de junho, 11 de julho, 10 de agosto e 12 de setembro. A segunda via do tributo ainda pode ser impressa pelo Portal da Prefeitura  através do link 2ª VIAS na área Quero Consultar Sobrena página principal.

Caso o proprietário que tenha sido tributado entenda que tem direito à isenção, ele deve comparecer ao Núcleo de Protocolo no saguão do bloco 2 do Centro Administrativo Municipal munido do carnê mais original e cópia do RG e CPF.A estimativa de arrecadação da Prefeitura de Uberlândia é de R$ 102 milhões com o IPTU.

Ao todo, o município conta com 296.827 imóveis tributáveis, sendo que 58.

519 são terrenos e 238.308 são edificações.

A receita do IPTU é destinada ao caixa único da prefeitura. Os recursos são investidos em várias áreas, levando em conta setores como saúde e educação, que devem ter um mínimo reservado para a aplicação.

PARCELAS                                      PRAZOSCota única: 5% de desconto              11/04Cota única: sem desconto                  Até 02/051ª parcela                                            11/042ª parcela                                            10/053ª parcela                                            10/064ª parcela                                            11/075ª parcela                                            10/086ª parcela                                            12/09Secom
.

Fonte: Gazeta de Uberlândia