Lil Wayne sofreu duas convulsões na tarde da última segunda-feira (13), quando voltava do estado de Wisconsin e seguia em direção a Califórnia, nos Estados Unidos. Segundo o site “TMZ”, o rapper estava em seu jatinho particular e precisou fazer um pouso de emergência em Nebraska. Ainda de acordo com o portal, as convulsões, que fizeram o cantor de 33 anos desmaiar, foram causadas pelo consumo excessivo de uma bebida derivada de ópio, mesma substância que teria provocado a morte de Prince este ano.

Logo que chegou ao hospital, Lil Wayne recobrou a consciência e recusou atendimento médico, retornando ao avião em seguida. Depois da decolagem, o rapper sofreu nova convulsão, fazendo o piloto voltar ao aeroporto de Nebraska, e finalmente aceitou ser atendido.

Um representante do cantor disse que agora ele está condições estáveis.
A bebida conhecida como Purple Drank é feita com refrigerante, balas coloridas e remédio para tosse com codeína, substância derivada do ópio.

O drink é retratado em diversas letras e clipes de hip-hop, inclusive de Lil. O rapper, que em 2014 levantou rumores de ter engravidado Nicki Minaj, estaria viajando com 16 garrafas do xarope e teria tomado três delas sozinho.

Ele já foi internado outras vezes por conta do consumo de codeína.
(Por Caroline Moliari)
.