Marcela Ribeiro /UOL Adélia ainda não sabe se terá que pagar multa no caso de uma rescisão de contrato Depois de Ana Paula Renault, parece que outra sister vai ter um quadro dentro de um programa de televisão. O UOL apurou que assim que deixou a “Maratona BBB”, Adélia disse nos bastidores que teria recebido proposta de uma emissora rival e que estaria rompendo contrato com a Globo nos próximos dias. A novidade foi contada em tom de irritação, já que Adélia ficou bastante nervosa com o encontro que teve com os outros participantes da 16ª edição reality show.

Por várias vezes, a advogada paulista reclamou com a produção sobre o comportamento de Ana Paula. No final, ela soltou: “Não foi só ela que se deu bem.

Eu também vou trabalhar na televisão!”. Para os ex-BBBs mais próximos, Adélia disse que tinha um convite da Record para comandar o quadro “Patrulha do Consumidor”, do “Hoje em Dia”, e não sabia se iria dividir o quadro com Celso Russomanno ou no lugar dele.

Adélia também contou que precisaria ver o contrato para saber se terá ou não que pagar uma multa no caso de um rompimento. Todos os ex-BBBs ficam contratados da Globo por seis meses, com direito a salário mínimo mensal e plano de saúde.

O vínculo com a emissora termina em julho. Procurada pelo UOL, a assessoria de imprensa de Adélia confirmou que a advogada recebeu uma proposta da Record, mas não quis confirmar o nome do programa e disse que ela não se reuniu com ninguém da concorrência.

  A Record, por sua vez, negou que qualquer proposta tenha sido feita à ex-BBB. 
.

Fonte: Uol Televisão