A apresentadora Ana Hickmann, em entrevista à revista Vogue, voltou a falar sobre drama sofrido recentemente. Na conversam ela revelou que ainda sente dores
“Eu já voltei a postar, mas preciso ainda conseguir identificar precisamente quais são os meus medos. Enquanto conto isso agora, ainda sinto pontadas bem fortes no peito.

Estes são efeitos que estou descobrindo aos poucos”, disse a apresentadora da Record.
As lembranças do dia em que Rodrigo Augusto de Pádua, de 30 anos, invadiu o quarto do hotel em Belo Horizonte (MG) onde estava hospedada com a intenção de matá-la, ainda acontece com frequência.

“Tenho lembranças ainda, elas acontecem com bastante frequência, ficam na minha cabeça. Revejo as cenas, escuto as coisas que ouvia no quarto, começo a sentir tudo aquilo de novo”, declarou Ana.

Em recente entrevista, a loira contou que fez uso de tranquilizantes durante três dias para dormir, mas que recusou os antidepressivos. “Às 6 da manhã quando meu filho chama ‘mamãe’, me dá coragem de levantar, começar o dia e tocar a vida.

Meu melhor remédio está sendo a oração e a família”, disse.

.

Fonte: TV Foco