As cenas quentes de André (Caio Blat) e Tolentino (Ricardo Pereira) em “Liberdade, Liberdade”, novela das 23h da Rede Globo, foi o assunto da noite da última terça-feira (12) nas redes sociais: emocionado com as mensagens de carinho que tem recebido na web, Caio Blat usou seu Instagram para agradecer a repercussão da sequência.
“Preciso agradecer todas as manifestações de carinho, de amor, de liberdade, de respeito que não param de chegar dos amigos e do público. Orgulho de contar essa história.

Obrigado Mario e equipe, Vinicius e equipe, meu amado @ricardotpereira e todo o elenco brilhante. Nossa novela está reescrevendo a história do Brasil”, publicou ele.

Já Ricardo Pereira definiu a exibição como “incrível”: “A cena foi extremamente bem dirigida pelo Vinicius Coimbra, com bom gosto, intensidade, olhar, toque e sensibilidade. É um trabalho incrível de pessoas que sabem como querem contar essa história.

É muito bonito a alegria que isso trouxe, porque o que queríamos era contar essa história com verdade e isso conseguimos”.
Em entrevista ao Glamurama, Caio falou sobre seu personagem e a trama das 23h: “Acho incrível que a série, falando sobre a história do país, consiga tocar em assuntos tão contemporâneos como violência, machismo, repressão, autonomia da mulher”, aponta.

“É uma coisa boa poder mostrar de onde vêm alguns preconceitos.” Seu personagem sofre mais do que preconceito: na trama, é preso e denunciado por sodomia depois que seu romance com o coronel Tolentino (Ricardo Pereira) é des­coberto.

“A aproximação entre os dois foi muito bem cons­truída, acho que por isso a aceitação do público está sendo tão boa. Até nas pesquisas mais conservadoras, com donas de casa, as pessoas torcem por eles”, revela.

Os dois prota­gonizaram a primeira cena de sexo entre homens na TV brasileira, que foi ao ar no dia 12 deste mês. “A novela, em geral, tem imagens fortes, que mostram como o homem extravasa seus desejos de maneira violenta.

A cena entre André e Tolentino não é diferente, é muito viril, masculina, sem delicadeza”, diz.

.

Fonte: TV Foco