Jeffrey Dean Morgan em cena de “The Walking Dead”. No domingo (03), foi ao ar o último episódio da sexta temporada de “The Walking Dead”, exibido “simultaneamente” no Brasil pela Fox.
O episódio, que marcou a primeira aparição de Negan (Jeffrey Dean Morgan), novo vilão da história, foi criticado pela maioria dos fãs.

O motivo é que o personagem, a exemplo dos quadrinhos, escolheu um integrante do grupo liderado por Rick (Andrew Lincoln) para morrer em suas mãos. Porém, a vítima não foi revelada.

Muitos fãs reclamaram do prolongamento do mistério, uma vez que o personagem marcado para morrer só será revelado em outubro, quando está previsto a estreia da nova temporada da série.
Entretanto, o ator Jeffrey Dean Morgan defendeu a derradeira cena, alegando que o objetivo do episódio era outro.

“Aquilo é como os produtores queriam que terminasse. [A cena] não é sobre a morte de uma pessoa.

Eu entendo a frustração dos fãs. Isso já foi dito.

Eu tenho que confiar nos roteiristas e produtores. Eles sabem o que estão fazendo”, disse ele.

Vale ressaltar que na história em quadrinhos, em que “The Walking Dead” é baseada, o personagem morto por Negan a golpes de taco de basebol é Glenn (Steven Youn).

.

Fonte: TV Foco