Não é só a Rede de Edir Macedo que está cautelosa com a roupa de seus âncoras e repórteres. A Rede da família  Marinho também está preocupada em se mostrar isenta, até nas roupas de seua âncoras, para que isso  não seja confundido com uma certa imparcialidade.
Nesse momento decisivo e conturbado da política do país, apesar de as emissoras já terem suas posições bem definidas, todo cuidado é pouco para demonstrar mais seriedade ao passar as notícias.

Segundo o jornalista Flávio Ricco, do UOL,  roupas e gravatas de cores vermelha, preta, verde e amarela estão proibidas, pelo menos por enquanto. Como exemplo, Evaristo Costa foi orientado a mudar a cor de sua gravata, que seria verde, assim como sua companheira de bancada, Sandra Annemberg, que usaria um vestido da mesma cor, na edição de ontem do jornal.

.

Fonte: TV Foco