Aos 70 anos, o cineasta Hector Babenco morreu na última quarta-feira (14) vítima de uma parada cardiorrespiratória. A morte foi confirmada pela produtora HB Filmes, responsável pelas principais obras do cineasta. Ainda segundo a produtora, Babenco morreu às 22h50.

“Ele passou por um procedimento simples. Ontem ele estava bem”, lamentou Denise Winther, que trabalhou como assistente de Babenco nos últimos cinco anos.

O hospital também confirmou a morte, mas não deu maiores detalhes sobre o quadro de saúde do cineasta.
No dia da internação, Barbara Paz, sua esposa, postou uma foto com uma declaração de amor ao amado.

 “Ser profundamente amado por alguém nos dá força; amar alguém profundamente nos dá coragem. Lao-Tsé”, escreveu ela.

O casal havia se separado em janeiro de 2014, mas resolveu retomar o relacionamento no final do ano, em novembro. “O Hector vai ser um amor infindável na minha vida.

Ele nunca vai sair da minha vida. São pessoas que entram pra nunca mais sair.

Ele é uma dessas pessoas”, disse ela na ocasião.

.

Fonte: TV Foco