Marcos Oliver trabalha como estátua viva em frente a uma loja O ator Marcos Oliver está enfrentando um momento difícil. Ele está à procura de emprego, e após trabalhar como pintor no ano passado, agora ele virou MC, apresenta candidatos políticos em convenções de partidos, anuncia imóveis, distribui capinhas de celular, tira a camisa em eventos e virou vitrine viva em uma loja.
Ou seja, ele faz de tudo para conseguir sobreviver de maneira digna.

Aos 40 anos, ele falou sobre o assunto com o jornal Extra: “É uma fase que está demorando a passar. Depois que meu pai morreu, no ano passado, eu não consegui me reerguer”.

Agora, ele vive de bicos, e recebe entre 80 e 200 reais, mas às vezes passa disso.
“Tem vezes, como num desfile, que já ganhei R$ 800 e dez peças de roupa”, conta, entusiasmado.

Em 2014, ele chegou a ser preso, após sair do reality “A Fazenda”, por causa do atraso da pensão alimentícia da filha de 14 anos, que teve com uma antiga namorada.
“Ela já entrou com um processo, estou tentando fazer tudo de forma amigável, mas não vejo muito jeito.

A Gabi tem pavio curto, só não quero que meu filho veja os pais brigando”, conta ele, que deve R$ 8 mil ao filho de 8 anos: “Tenho pavor de pensar em ser preso outra vez. Não desejo isso para ninguém”.

No passado, ele chegou a fazer filmes adultos, após deixar o programa “Teste de Fidelidade”, de João Kleber. “Era 2006, na época eu precisava de dinheiro, meu pai infartado.

Nem pensei muito. Só queria a grana.

 Minha formação é de ator. O pornô foi um bico apenas”, afirmou ele, que não cogita voltar.

“Mas até hoje sofro preconceito. Um monte de empresário já me disse que não me contrata para não associar à marca a um ator pornô.

Então, não voltaria a atuar num filme adulto”, explica Oliver.

.

Fonte: TV Foco