Foto: divulgação.Alexandre Avancini, um dos mais importantes diretores da Record na atualidade, e que dirige a segunda temporada de “Os Dez Mandamentos” e também fará “A Terra Prometida” revelou a Léo Dias que não estava satisfeito na antiga emissora, a Globo.
Perguntado sobre o que o fez trocar de emissora, Avancini declarou:  “A Record foi uma porta de mais liberdade, eu tinha uma função na Globo, que era ser diretor geral.

Quando eu vim para a Record, na verdade a função que eu tenho aqui é o que equivale na Globo ao diretor de núcleo. Na Globo, eu tinha um diretor acima de mim, me coordenando.

Aqui, eu me tornei esse diretor, apesar de a nomenclatura não ser a mesma: aqui a gente assina como diretor geral. Estou tocando dois projetos agora, mas já cheguei a tocar três ao mesmo tempo.

Quem sugeriu a Record fazer uma novela bíblica fui eu, e eles embarcaram na ideia. Eu tenho muita liberdade aqui dentro da emissora.


Sobre o seu passado na emissora carioca, ele revela uma insatisfação: “Naquela fase da minha carreira, sim (estava engessado), porque não tinha nenhuma liberdade e não tinha a gestão absoluta criativa do processo como diretor. Eu vim para a Record correndo atrás de mais status e promoção.

.

Fonte: TV Foco