Muitos acreditavam que “Narcos” tratava-se de uma série biográfica sobre o traficante colombiano Pablo Escobar. Mas com a morte do líder do cartel de Medellín na nova temporada e a sinalização da Netflix de que haverá uma continuação, muitos ficaram em dúvida sobre os verdadeiros rumos da atração.
Os conceitos da série foram então explicados pelo diretor brasileiro José Padilha, que deixa claro que a série é sobre cocaína e grandes traficantes, e não sobre Escobar.

“A série não é sobre Pablo, é sobre cocaína”, disse.
+ Netflix divulga trailer da segunda temporada de “Narcos”; veja
“A série trata de quem produz a droga, dos grandes traficantes que são a origem desta guerra.

Claro que o Brasil tem muita violência gerada pelo tráfico, mas você não vê a DEA [agência americana de combate ao tráfico] mandando seus agentes para o Brasil, porque não é a fonte. A segunda temporada mostra que com a morte de Pablo, não apenas o tráfico de cocaína não acabou como aumentou”, explicou.

A segunda temporada de “Narcos” estreia no dia 2 de setembro.

.

Fonte: TV Foco