O Câmera Record desta quinta-feira,  07/04, às 22h30, exibe reportagem com a incrível história de Edson Café, ex-integrante do grupo Raça Negra. O programa mostra como um músico de uma das maiores bandas de pagode do Brasil perdeu tudo e se transformou em um morador de rua, viciado em drogas.
Durante 60 dias, os repórteres da atração acompanharam os passos de Café.

Em 14 anos de grupo, o artista fez muito sucesso tocando violão e percussão, e também se destacou por compor algumas músicas famosas, como “Oi  estou te amando”.
Agora, há 10 anos vivendo nas ruas de São Paulo, ele confessa: “Antigamente, eu dormia em hotéis cinco estrelas.

Hoje em dia, eu durmo na praça, olhando para as estrelas. Tem dia que eu almoço e não janto.

Tem dia que eu janto e não almoço”.
O programa conta como ele foi parar nessa situação e por que, aos poucos, foi excluído do grupo que ajudou a formar.

E revela o que fez ele deixar a família para trás. “Eu não abandonei minha família.

Eu me autoabandonei”, confessa.
O Câmera Record mostra se os filhos de Café irão perdoar o pai e exibe um encontro entre ele e dois colegas do Raça Negra.

O programa, apresentado por Marcos Hummel, é exibido às quintas-feiras, às 22h30.
(fotos: Divulgação/ Record)

.

Fonte: TV Foco