Em um país do tamanho do Brasil, o fato social mais comum é a imigração, seja por fatores profissionais ou anseios de vida mais singulares. Esse é um dos plots de Hotel Jasmim, peça que está em cartaz no Teatro Itália, em São Paulo (SP), com texto de Claudia Barral e direção a cargo de Denise Weinberg e Alexandre Tenório.
A história gira em torno de Jorge Washington (Daniel Farias), baiano que decide mudar-se para São Paulo e ocupar a vaga de garçom do pai, que foi morto durante um assalto.

Ao chegar na cidade grande, ele passa a dividir quarto com Fernando (Eduardo Pelizzari), michê que foi abandonado na infância e decidiu seguir o rumo da prostituição.
Porém, a relação é problemática no início: Jorge é bastante religioso, em contraste com a personalidade de Fernando, mais “vida louca”, que trata o nordestino com desdém e preconceito no primeiro contato.

Entre os problemas cotidianos da metrópole, os dois viram cúmplices e passam a trocar mais experiências – como o hábito de fumar uns “baseados”.
“Faço um personagem extremamente ingênuo e esperançoso, mas que entra em confronto com a nova realidade”, diz Daniel Farias, que é natural de Salvador (BA) e mudou-se para a capital paulista, algo que lhe dá mais propriedade ao atuar.

“No início as coisas nos chocam, mas com o tempo vamos nos anestesiando, com o olhar mais humano. Aprender com as dificuldades é algo necessário para a sobrevivência na cidade”, conta.

O ator já soma vários trabalhos nos palcos, como Taiô, Amores no Meio Fio e Relampião, além de curtas-metragens e vídeos publicitários.
(Foto: Divulgação/ Erik Almeida)Figura carimbada nas telinhas (incluindo Malhação, Dance Dance Dance e Negócio da China), Eduardo Pelizzari defende o garoto de programa.

“Ele engessou depois de encarar tantas pancadas e testa as circunstâncias para ver até onde pode ir e em qual momento pode tirar proveito da situação. Tanto é que, no início, ele quer distância porque sabe que as relações mais afetivas já o machucaram”, pontua.

Pelizzari, que está gravando o remake de Carinha de Anjo no SBT, brinca ao ser questionado sobre o principal atrativo da peça: “meu corpo” (em relação às partes mais eróticas e sensuais do espetáculo).
Serviço:
HOTEL JASMIM
Onde: Teatro Itália – Sala Drogaria São PauloGênero: DramaClassificação indicativa: 14 anosDuração: 60 minutosIngressos: R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia)Dias e Horários: sexta-feira (21h30), sábado (21h) e domingos (18h)Temporada: até 28 de agosto

.

Fonte: TV Foco