Gerusa (Giovanna Grigio) iniciou o tratamento de quimioterapia na esperança de se curar da leucemia. Incentivada por Osório (Arthur Aguiar) e Camélia (Ana Lucia Torre), a menina não desiste da luta pela vida.
No entanto, ela desabafará com Maria (Bianca Bin) e dirá que o tratamento não surtiu efeito.

A personagem é inspirada em uma vizinha de infância do autor, Walcyr Carrasco, e, se nada mudar, ela morrerá no final da trama.
Gerusa diz que é horrível ficar doente e morrer.

“A única certeza que a gente tem quando nasce, Gerusa, é que um dia há de partir. A vida aqui é apenas matéria.

Cristo morreu por nós. Depois, ressuscitou.

Todos nós, Gerusa, havemos de renascer em um lugar muito melhor. Aceite a vontade de Deus.

Ele é maior que todos nós. Seja o que for que Ele destinou a você, aceite”, responde Maria.

As palavras de Maria têm um efeito positivo na vida de Gerusa: “Suas palavras me dão paz. Eu penso que… aceito”.

“Mas estamos a jogar conversa fora. Você há de ficar boa, não é?”, pergunta a doméstica.

“Mesmo que eu não fique, Maria. Você tem razão.

Deus é paz. É na paz Dele que eu devo acreditar”, fala Gerusa, mais resignada.

.

Fonte: TV Foco