Como você já deve ter acompanhado nos telejornais e nas mídias sociais, por decisão da primeira turma do Supremo Tribunal Federal, o deputado federal Jair Bolsonaro virou réu da nossa suprema corte após dizer que não estupraria a deputada Maria do Rosário porque “ela não merece”.
A decisão causou uma divisão entre os internautas, que levantaram duas tags no Twitter, uma de apoio (#SomosTodosBolsonaro) e, no dia seguinte, uma de oposição (#SomosTodosCONTRABolsonaro). Mas não foram só anônimos que se posicionaram sobre o assunto.

Alguns famosos também declararam publicamente ser contrários ou não à decisão do Supremo.
O ator Sandro Rocha, conhecido por seu papel no filme Tropa de Elite e, mais recentemente, na novela “Os Dez Mandamentos”, falou que apesar de achar o deputado Bolsonaro bastante explosivo, classificou a decisão do STF como uma “sacanagem, uma covardia”.

A jornalista da Globo News, Denise Barbosa, disse que se surpreendeu negativamente ao acordar e ver seus seguidores defendendo Bolsonaro: “Vou voltar a dormir”.
Acordo e vejo que tem seguidorA minha defendendo Bolsonaro.

Tô besta. Vou dormir de novo.

— Denise Barbosa (@denisebarbosa) June 22, 2016
O comediante Danilo Gentili afirmou que, apesar de não ser um apoiador do Bolsonaro, estranhou o linchamento de Bolsonaro por ele ter dito que Maria do Rosário “não” merece ser estuprada. Ele ainda relembrou o fato da deputada defender estupradores.

Outros famosos como a jornalista Rachel Sheherazade, o ator Alexandre Frota e o lutador Marcelo Brigadeiro também se pronunciaram em suas contas oficiais.
Tweets da atriz Leticia Sabatella apoiando a decisão do STF também circularam na rede.

Apesar de mencionar que não apoia discursos de ódio, a atriz afirmou se tratar de uma conta falsa.

.

Fonte: TV Foco