Vista do alto da “Cidade Maravilhosa” (Foto: Reprodução)Faltam menos de 100 dias para o início das Olimpíadas,  e as emissoras ainda estão se organizando para as transmissões.
A Globo, como em seus canais fechados (Globosat) está prometendo fazer desta cobertura um trabalho que entre para a história, como informa Flávio Ricco. São cerca de dois mil profissionais envolvidos, ganhando até da NBC em credenciados (esta tem “só” 1600).

Já a Band e a Record irão movimentar contingentes muito menores, no máximo 200 profissionais cada. Já o SBT novamente será a alternativa do público.

A Globo está ainda diretamente envolvida com a geração de alguns eventos. Credenciada pelo COI (Comitê Olímpico Internacional), a emissora fará por exemplo o vôlei de praia.

Os Jogos acontecerão de 5 a 21 de agosto.
A Record pretende manter o quadro de profissionais do esporte contratados para as Olimpíadas mesmo sem nenhum grande evento pela frente.

Ela tem os direitos ainda, em 2019, do Pan-Americano que será realizado em Lima, no Peru.

.

Fonte: TV Foco