MC Guimê foi detido na madrugada desta segunda (9) na cidade de Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte, onde se apresentou em um rodeio. Ele foi pego com seis cigarros de maconha.
De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, a corporação recebeu denúncias informando que cerca de 400 gramas de droga estavam na van do artista.

Além disso, o músico teria consumido maconha em seu camarim.
Nas redes sociais, o músico não comentou diretamente o assunto.

No Instagram, ele se limitou a dizer que o show em Nova Lima havia sido “pesadíssimo” e que “diferente do que vários querem, estou firmão e trabalhando muito”.
Durante uma entrevista no programa “Diálogos”, da Globo News, apresentado por Mário Sérgio Conti, o cantor falou abertamente sobre sua relação com as drogas e o que pensa em relação a legalização da maconha.

“Até hoje sou usuário de maconha, não considero uma droga, pude ir pra Amsterdã e conhecer um pouco mais do que eu uso”, disse Guimê, respondendo ao questionamento: “você puxa fumo?”.
Na sequência, Conti tenta colocar o cantor contra a parede: “mas, puxar fumo não é proibido? como é que faz?”, e Guimê responde: “com certeza, mas acho que é uma questão proibida por uma questão da lei do Brasil.

E muita coisa que é proibida as pessoas fazem na rua. Estou assumindo aqui porque sou homem”.

.

Fonte: TV Foco