(Foto; Divulgação)Marina Ruy Barbosa, surpreendeu e fez bonito em cenas de sexo para a minissérie da Globo, “Justiça “, e colhe os frutos do trabalho em que foi além das sequências com pegada sexual protagonizadas ao lado de Jesuita Barbosa e Pedro Lamin.
A atriz disse que é impossível não se orgulhar do projeto e que ficou muito feliz com a repercussão. “Todo ator quer trabalhos que o desafiem, que possam fazer trabalhos diferentes, que dá para mostrar outros lados e isso que gerou a repercussão positiva por eu ter feito uma menina completamente diferente.

Isso é bacana e me motiva. Vi que apelidaram ela de ‘diaba ruiva’.

Quero fazer louca, gêmea. Quero fazer muita coisa”, afirmou.

Marina acrescentou que o noivo, o piloto Xandinho Negrão, entende seu trabalho, não tem ciúmes das cenas mais quentes e até conferiu algumas delas. “Ele me apoia, acompanha, na época de totalmente ele assistiu algumas cenas, ele sabe como é profissional, ficou feliz de eu estar realizada”, garantiu.

Marina também garantiu que não teve nenhum problema para gravar as cenas mais quentes.“Nada foi gratuito.

A minissérie trata de assuntos mais importantes, polêmicos e que são importantes de falar. A minha personagem morreu pelo namorado machista, vaidoso, que se achava poderoso, então o nu não é o mais importante”, concluiu.

Confira o novo vídeo do TV Foco com o balanço de notícias da semana:

.

Fonte: TV Foco