(Foto: Divulgação/TV Globo)Maíra Charken ganhou uma missão complicada na Globo: substituir Monica Iozzi, que vinha consolidada e ganhando cada vez mais admiradores no comando do “Vídeo Show”.
Porém, para muitos, o desempenho da atriz e apresentadora está abaixo do esperado. Nas redes sociais, Maíra é “bombardeada” de críticas.

Alguns a acusam de “ser forçada” e de tentar “imitar” Iozzi no comando do vespertino.
Antes da confirmação de que Susana Vieira entrará para o time de apresentadores, a ausência de Maíra, na última terça-feira (19), provocou diversos rumores.

Em entrevista ao jornal “Extra”, a apresentadora ironizou o ocorrido: “Eu faltei porque tive um piriri. O Otaviano Costa (apresentador) falta sempre e ninguém fala nada.

É surreal. Esse rodízio na bancada é normal.

Existe desde a época da Monica (Iozzi). Até dezembro (quando encerra o contrato dela), continua tudo como está.

Depois tudo pode acontecer”.
Maíra também minimizou o fato de vir recebendo críticas pelo seu desempenho, e garante que elas não a atingem.

“Existe muitos haters, né? Mas acho os comentários tão fakes que eles não me atingem. Não dou crédito.

São pessoas que querem agredir sem você ter feito nada contra elas. E a maioria, tenho certeza, nem me assistiu”, afirmou.

.

Fonte: TV Foco