Trinta anos depois de ter seduzido o Brasil na pele de Dona Beija, a cortesã da novela homônima, Maitê Proença promete voltar a elevar as temperaturas do horário nobre quando aparecer na nova trama das 23h da Globo, “Liberdade, Liberdade”, que estreia dia 11.
“Vai haver muitas cenas de sexo. Sempre achei a questão da nudez supervalorizada, nunca houve constrangimento para mim.

Não sou vulgar. Quando fiz ‘Dona Beija’, eu e o diretor, Herval Rossano, editávamos juntos minhas cenas de nu”, relembra ela em entrevista à revista Época.

Aos 58 anos, ela diz prefere subir oito andares de escadas a esperar quatro minutos pelo elevador para manter o corpo. “Não posso usar cremes com ácidos porque sou alérgico.

Deixo de intoxicar minha pele com porcarias que têm um custo imenso para o sistema de limpeza do corpo. Menos é mais”, diz.

.

Fonte: TV Foco