Getty Images Emma Watson montou empresa offshore para garantir anonimato, disse assessor Emma Watson foi citada nos Panama Papers, série de documentos sobre atividades legais e ilegais de pessoas e empresas, que mantinham patrimônio e transações ocultas em empresas registradas em paraísos fiscais. De acordo com a CNN, a atriz britânica abriu uma empresa usando os serviços da Mossack Fonseca, escritório que está no centro do escândalo. O assessor de imprensa de Watson afirmou que ela abriu a empresa para garantir sua segurança, e não obteve nenhum benefício financeiro ou sonegou impostos com isso.

“Emma, como muitas pessoas reconhecidas, montou uma empresa offshore com o único propósito de garantir seu anonimato e sua segurança”, informou o representante à CNN, explicando que, no Reino Unido, as empresas são obrigadas a divulgar informações de seus acionistas “e por isso não dão a ela o anonimato necessário para garantir a segurança pessoal dela”. 
.

Fonte: Uol Televisão