Reprodução/SBT Padre Fábio de Melo se emociona no programa “Eliana” O padre Fábio de Melo se emocionou no palco do programa “Eliana” neste domingo (27) ao lembrar do início de sua amizade com Luana Muniz, travesti conhecida por fazer trabalho social no bairro da Lapa no Rio de Janeiro.O padre lembrou que a relação dele e Luana começou no fim de 2015 quando ela pediu para tirar uma foto. A imagem não agradou aos católicos e o próprio padre admitiu ter ficado “desconfortável”.

“Não foi natural, eu não quis estar perto dela”, admitiu Fábio de Melo. “Eu percebi que não era capaz de amá-la.

Eu me senti um fracassado”, continuou.Fábio de Melo contou então que ficou sabendo que Luana ajudava pessoas carentes na região da Lapa e que a partir daí repensou seu preconceito.

“A coisa que eu acho mais odiosa é quando eu vejo as pessoas usarem a religião para serem melhores que os outros”, disse. “Nunca tenho o direito de me sentir melhor do que ninguém, pelo outro ter uma educação diferente da minha ou uma escolha sexual diferente da minha”, acrescentou.

.

Fonte: Uol Televisão