Sandro Pedroso declarou recentemente que, ao se separar de Susana Vieira, não quis nada dela. No entanto, a veterana tratou de desmentir o ex-namorado e disse que ajudou o ajudou sim.
O ‘Ego’ teve acesso à escritura da dissolução de união estável dos dois, onde Susana se compromete a pagar – “a título de alimentos compensatórios” – por 12 meses de moradia para Sandro em um apartamento na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio.

Ainda segundo o “Ego”, a global pagava  aluguel, condomínio, luz, água e até a TV a cabo do bonitão, que morava em um dúplex mobiliado. Que coisa, né?
Colegas próximo ao rapaz contaram que ele nunca teria trabalhado como garçom, conforme disse em entrevista ao programa de TV.

Xii…

.

Fonte: TV Foco