Reprodução Princípe Harry em entrevista à BBC Príncipe Harry criticou as “incessantes invasões” em sua vida particular, em uma entrevista ao canal BBC, neste domingo (8). “A linha entre a vida pública e a privada tornou-se quase inexistente, mas nós vamos continuar a fazer o melhor para mostrar que essa linha existe”, disse ele referindo-se à postura que ele e os membros da família real britânica tentam passar. “Todo mundo tem direito a privacidade, e um monte de pessoas públicas tem, mas, infelizmente, em algumas áreas há essa necessidade incessante de descobrir cada detalhe sobre o que se passa nos bastidores.

É desnecessário. A vida privada tem que ser privada, e espero que as pessoas respeitem isso”, afirmou o filho da princesa Diana, que tem 31 anos, é solteiro e alvo constante de paparazzi.

A princesa Diana morreu em 1997, quando Harry tinha 12 anos, justamente quando o motorista do carro em que ela estava tentava fugir de paparazzi, em Paris.
.

Fonte: Uol Televisão