Escrava Juliana (Gabriela Moreyra) e comendador Quintanilha (Fernando Pavão) em cena de “Escrava Mãe” (Foto: Divulgação/Record)A Record ainda não definiu quando vai levar ao ar novela “Escrava Mãe”, que está toda gravada e engavetada desde o ano passado, e teve sua estreia adiada por diversas vezes. Por isso, alguns atores se revoltaram com a emissora, alguns deles, até se pronunciaram sobre o caso.
A indefinição da rede de Edir Macedo sobre a exibição da trama de Gustavo Reiz, deixou atores que fizeram a produção revoltados.

Isso porque, os artistas são rejeitados para trabalhos em outras emissoras, já que podem aparecer a qualquer momento em um produto inédito da concorrência.
Jussara Freire, por exemplo, já se pronunciou nas redes sociais, dizendo que a “situação é muito desgastante”, e que inclusive, recebeu convite de outra emissora ainda quando gravava a novela, mas que a proposta não foi adiante porque uma “emissora não tem por hábito contratar um ator com um produto inédito em outra emissora”, escreveu ela, que lamentou não poder trabalhar em outro canal, mesmo estando sem contrato com a Record.

Jussara Freire, Luíza Tomé e Karen Marinho (Foto: Edu Moraes/Record)Além de Jussara, Milena Toscano também já foi prejudicada pelo “engavetamento” de “Escrava Mãe”. A atriz perdeu papel em “Carinha de Anjo”, nova novela do SBT, que estreará no segundo semestre.

Marido de Xuxa, Junno Andrade, que também atuou no folhetim, já ironizou a Record também nas redes sociais, dizendo que “daqui a pouco vão mudar o nome da novela pra ‘Escrava Avó’…se continuarem adiando”.
“Escrava Mãe”, que deveria estrear em meados de maio – depois de diversos adiamentos -, pode ter sua exibição iniciada somente no fim do mês, por causa da Globo.

A situação, é que enquanto “Totalmente Demais” não chegar ao fim, a Record não irá estrear sua novela.

.

Fonte: TV Foco