Alexandra (Juliana Carneiro da Cunha)(Foto: Globo/Paulo Belote)Diogo Farto (Genézio de Barros) e família aguardam a chegada de Alexandra Marquet (Juliana Carneiro da Cunha), irmã do patriarca. Vinda de Paris, a senhora é esperada ansiosamente por Branca (Nathalia Dill), que conta com a ajuda dela para convencer o pai a casá-la com Xavier (Bruno Ferrari).
Ao desembarcar no porto do Rio de Janeiro, Alexandra é levada por uma carruagem, mas é enganada pelos homens que a guiam – ali está um grupo de salteadores.

Ela acaba sendo abandonada na estrada e, depois do ataque, perde a memória. Confusa, Alexandra vaga pela estrada até chegar a Vila Rica.

De tão degradada, é confundida com uma pedinte…
Nem Branca e Luzia (Chris Couto) a reconhecem, jogada aos pés da igreja implorando por um prato de comida e água. Joaquina/Rosa (Andreia Horta) vê a senhora e se compadece.

Leva-a até a Taverna para comer e beber e, observando seus hábitos, percebe que aquela mulher tem hábitos de fidalga. Fará o possível para ajudá-la.

Enquanto isso, Diogo Farto pede ajuda a Rubião (Mateus Solano). Ele viajou até o Rio de Janeiro, esperou a irmã no porto e nada.

Está apavorado, certo de que algo ruim aconteceu com ela. Ciente de que Alexandra é súdita fiel de sua majestade, e íntima da princesa, o Intendente começa as buscas com o apoio de Tolentino (Ricardo Pereira).

O que Rubião não espera é encontrar a senhora na casa de Raposo, sem saber que aquela pedinte é Alexandra. Vendo a intenção de Joaquina/Rosa em cuidar da mulher, o Intendente percebe ali uma oportunidade de conquistar o coração da jovem por quem está apaixonado.

Garante à filha de Raposo que levará a senhora para o hospital e cuidará dela.
Mas, ao sair dos olhos de Joaquina/Rosa, Rubião joga a mulher na prisão e a desconsidera: “Jogue essa imprestável em qualquer canto!”, ordena ele ao carcereiro.

E a saga de Alexandra está só começando.
As cenas estão previstas para serem exibidas a partir desta quinta-feira, dia 12.

‘Liberdade, Liberdade’ é uma novela de Mario Teixeira baseada em argumento de Marcia Prates, livremente inspirada no livro ‘Joaquina, Filha do Tiradentes’, de Maria José de Queiroz. A direção artística é de Vinicius Coimbra.

.

Fonte: TV Foco