Lili (Vivianne Pasmanter) com Sofia (Priscila Steinman) à beira da morte(Foto: Globo / Raphael Dias)Qualquer inconsequência ou atitude de Sofia (Priscila Steinman) no passado, foi apagada – ou pelo menos amenizada – da memória dos pais quando a garota se apresentou viva. Foram dois anos de muito sofrimento e luto para a família de Germano (Humberto Martins) e Lili (Vivianne Pasmanter). A volta da filha, até pouco tempo tida como perfeita, trouxe a reaproximação do casal e a esperança de reconstituírem os laços que os uniam no passado.

Doce ilusão. Cassandra (Juliana Paiva) e Rafael (Daniel Rocha) foram os primeiros a sacar que alguma coisa estava errada nessa história.

O físico até poderia ser de Sofia, mas ali dentro, quem falava mais alto era Nina – a dupla personalidade criada pela sociopata. Mas pra que levar a sério o ex-namorado traído e a cunhada maluquete?
Não era de se estranhar que Sofia apareceu ao mesmo tempo em que Jacaré (Sérgio Malheiros) voltou a aterrorizar o Bairro de Fátima e, principalmente, Eliza (Marina Ruy Barbosa) e Jonatas (Felipe Simas).

Foram alguns sustos e momentos tenebrosos em que a primogênita da Bastille elaborou planos de furto à sua família e assassinato de sua irmã “bastarda” mais nova. Pois bem, se já estávamos assustados com o clima entre Sofia e Jacaré até agora, as cenas que estão por vir são de arrepiar.

Com o dinheiro das joias roubadas do cofre nas mãos e malas prontas para a fuga, Sofia só deseja acabar logo com Eliza. A sociopata consegue enganar direitinho a irmã mais nova, e, finalmente, revela as reais intenções para a ruiva quando elas ficam trancadas no banheiro do restaurante na companhia de Jacaré.

Nesse momento, Débora (Olivia Torres) descobre que, de fato, Sofia havia dopado a família – e provavelmente é isso que salva Eliza das garras da irmã.
Todos correm para o restaurante ao descobrir que Eliza pode estar correndo perigo.

Polícia, família, amigos. O desespero é geral.

Sofia já não vê saída e vira o jogo, se faz de vítima e, mais uma vez, joga a culpa em Jacaré. Eliza vê tudo, está desesperada, mas nada pode fazer.

O policial Wilson (Leonardo Carvalho) tenta negociar com Jacaré, mas nada feito. A arma de Jacaré dispara sem querer e Wilson dá o sinal para arrombarem a porta.

Na adrenalina, Eliza morde a mão de Jacaré e consegue gritar: “Eles tão juntos! Os dois tão juntos! A Sofia e o J…”, mas é interrompida pelo meliante. A máscara de Sofia cai e todos entendem o que está acontecendo por ali.

Jacaré sabe que corre perigo e que Sofia não vai se entregar, apesar dos apelos dos pais. “Nós descobrimos o cofre arrombado, minha filha.

E já sabemos também que você dopou a gente naquele jantar”, diz Germano. “Sofia, por favor…A gente vai cuidar de você”, pede Lili.

“Nina, a gente vai sair dessa juntos, lembra? Já tem o dinheiro, só falta o carro!”, apela Jota. Na “sinuca de bico” e resistindo até o último segundo, Sofia insiste em culpar o namorado.

“É tudo culpa dele, mãe! Pai, o Jota que me obrigou a tudo! Atira nele, seu guarda! Mata ele antes que ele mate a gente! Acaba com ele”, implora a garota. Mas a decepção do rapaz é tão grande, que ele toma a atitude primeiro e a acerta no peito.

Lili já perdeu a filha uma vez. E se desespera ao perceber que pode perder pela segunda vez.

Ninguém merece tanto sofrimento. Germano fica dividido, porque Jacaré foge com Eliza – e, para que ela também não corra risco, opta por ir atrás da caçula, acompanhado de Jonatas.

Enquanto isso, Lili implora pela vida de Sofia e tenta entender o porquê dela ter se tornado essa pessoa. O porquê dela preferir ser Nina.

“No início eu só queria ser livre. Me afastar daquela vida burguesa medíocre.

Mas depois, eu fui gostando do perigo, me viciando naquilo e quando me dei conta, tinha virado outra pessoa”, explica a garota. “Eu dou minha vida por você, Sofia.

Eu sou sua mãe. Eu te amo, sempre, não importa o que você tenha se tornado”, desabafa Lili.

E, antes de dar o último suspiro e morrer, Sofia declara: “Eu não sei o que é amar. Eu nunca te amei, mãe.

Nem meu pai, nem você, Fabinho… Muito menos o Rafael ou o Jota…Eu nunca amei ninguém. Acho que nem eu mesma”.

Talvez agora ela consiga descansar. E a dor da dúvida seja encerrada na família.

Quem sabe não seja um recomeço?
As cenas estão previstas para irem ao ar a partir desta quinta-feira, dia 28. ‘Totalmente Demais’ é escrita por Rosane Svartman e Paulo Halm, com direção geral de Luiz Henrique Rios e direção de Marcus Figueiredo, Noa Bressane, Luis Felipe Sá e Thiago Teitelroit.

.

Fonte: TV Foco