(Foto: Reprodução)O assunto do momento é mesmo as alfinetadas de Cris Dias e William Waack durante o “Jornal da Globo” levado ao ar na madrugada de quarta para quinta. Ficou nítido no ar, e já não era de hoje, que os dois jornalistas não se bicam.
Porém procurados pela imprensa, os dois fizeram questão de negar qualquer tipo de desentendimento e criticam aqueles que não entenderam o que eles chamaram de “brincadeira” e “bom humor”:
“Boa noite a todos, agora finalmente ele me deu um oi, mas tudo bem… O momento pedia pressa, a gente entende”, disse Cristiane Dias, irônica, durante o telejornal.

Ela seguiu dizendo que apresentaria uma reportagem sobre vôlei, levando Waack a questionar: “Vamos falar de vôlei?”. “Quer continuar?”, perguntou ela.

“Não”, encerrou ele.
Consultados pelo UOL, os dois ditaram comentários a respeito do caso.

“Eu e William nos demos bem desde o início e isso foi aumentando com o tempo. Nosso humor é desafiador, provocativo, e isso é instigante, ainda mais vindo de um grande jornalista como ele.

 Eu acho engraçado estarem entendendo nossa sintonia de outra forma. Mas só tenho a dizer que fiz uma grande parceria nessa olimpíada.

Aprendi muito. E vou levar isso para sempre”, disse Cristiane Dias.

Já Waack afimou: “Infelizmente, a atual crise brasileira espalhou pelo país um mau humor do qual muitas pessoas, especialmente na imprensa, não conseguiram se libertar, e, portanto, não são capazes neste momento de entender brincadeiras e jovialidade entre colegas de profissão que se gostam e se apreciam.”

.

Fonte: TV Foco