Autor Mario Segade (à esquerda), ator César Troncoso e diretor Daniel Burman (à frente) nos bastidores da gravação de ‘Supermax’ Internacional(Foto: Globo/Renato Rocha Miranda)A versão internacional da série ‘Supermax’, que começou a ser filmada nas últimas semanas nos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro, despertou o interesse da Teledoce, devido à sua universalidade e capacidade de encantar pessoas ao redor do mundo. Com direção do renomado cineasta argentino Daniel Burman, o elenco da versão internacional conta com os principais nomes na televisão Ibero-americana, como o espanhol Santiago Segura, a argentina Cecilia Roth, o ator uruguaio Cesar Troncoso além dos brasileiros Laura Neiva e Felipe Hintze. A entrada da Teledoce no projeto reforça sua crença não só na capacidade de produção de conteúdo da Globo, mas também o seu compromisso com o desenvolvimento do mercado de televisão na América Latina.

“Estamos muito satisfeitos em ter a Teledoce ao nosso lado neste projeto. Temos uma parceria de longa data que remonta cerca de 40 anos atrás, quando vendemos nosso primeiro produto para o mercado internacional – “O Bem-Amado”, em 1973.

Desde então, a Teledoce tem sido um parceiro estratégico para o nosso crescimento. Sabemos que, como nós, o canal tem muito a contribuir para o processo de renovação que o ambiente criativo de nossa região está experimentando.

E vai desempenhar um papel fundamental no sentido de nos auxiliar a nos firmarmos como um concorrente ainda mais forte no competitivo mercado internacional”, disse Raphael Corrêa Netto, diretor-executivo da divisão de Negócios Internacionais da Globo.
“É uma honra para a Teledoce termos sido escolhidos pela Globo como parceiro estratégico para o desenvolvimento de seu primeiro produto em castelhano e especificamente produzido para o mercado latino.

Por mais de 40 anos de ininterrupto relacionamento, a Globo continua a nos dar a sua confiança. Do nosso lado, e com a contribuição de César Troncoso, ator uruguaio de primeira linha, vamos fazer todos os esforços para transformar ‘Supermax’ no produto grandioso e inovador que foi concebido”, afirma Eugenio Restano Scheck, Gerente de Programação da Teledoce.

“Atualmente, a globalização impulsiona a busca por projetos criados em conjunto, onde a sinergia entre diferentes equipes ajuda a melhorar a produção. Esperamos que esta produção seja o começo de um longo caminho a percorrer juntos.

Gostaríamos de agradecer e parabenizar Ricardo Scalamandré, Raphael Corrêa Netto, e todos em sua equipe por desenvolver este projeto, que fará tão bem para toda nossa indústria”.
A versão internacional de “Supermax” é uma série em dez episódios que mistura reality show e ficção de forma inédita.

Baseado na versão nacional, o enredo apresenta oito participantes em um reality show, confinados em uma prisão no meio do deserto e que são abandonados no segundo dia do programa. Além do milhão de dólares, grande prêmio da disputada, todos eles têm em comum um passado obscuro, com criminalidade e transgressões como marcas de suas histórias.

Encarcerados, juntos, eles terão de sobreviver aos mistérios de seu entorno e seus próprios medos.
Com produção executiva da Globo, filmado nos Estúdios Globo e na Argentina, e co-produzido pela Mediaset Espanha, TV Azteca, TVP e pela Oficina Burman, a adaptação para o público latino-americano tem direção artística do argentino Daniel Burman, colaboração de Mario Segade, um dos principais escritores da televisão argentina, e direção de Bruno Hernandez e Hernan Goldfrid.

.

Fonte: TV Foco