(Foto: divulgação)Mesmo após a saída do ator Bruno Gagliasso da série “SuperMax”, a Globo segue mantendo o cronograma da série, que já começou a ser gravada, de acordo com informações do jornal O Globo.
Segundo a publicação, as gravações da produção da Globo para o mercado internacional tiveram início em março, nos Estúdios Globo, mesmo com a ausência do protagonista, que ainda não foi escalado.
Apresentada em estilo reality show, “SuperMax” mostrará a angústia de pessoas escolhidas para participarem de um programa de confinamento em uma prisão em condições desumanas no meio da floresta amazônica.

O que os participantes não sabem é que o reality e o próprio lugar onde se meteram é repleto de mistérios, e que cada um deles foi escolhido por alguma razão.
De acordo com o colunista Leo Dias, o seriado foi comercializado para seis países.

 Embora não haja uma confirmação a esse respeito, a emissora pretende estrear a atração em setembro. A ideia é que “SuperMax”, que conta com uma participação especial de Pedro Bial, substitua “Liberdade, Liberdade” às terça-feiras, após os Jogos Olímpicos.

Serão 12 episódios.

.

Fonte: TV Foco