J.K. Rowling, autora da saga de livros do bruno Harry Potter, lamentou a morte de funcionário do parque Wizarding World of Harry Potter, Luis Vielma, em atentado nos Estados Unidos no último domingo, 12.

Luis foi uma das vítimas do tiroteio na boate gay Pulse, em Orlando, nos Estados Unidos.
“Luis Vielma trabalhava na atração do Harry Potter na Universal.

Ele tinha 22 anos. Não consigo para de chorar”, declarou a escritora.

Ela se refere ao parque temático da saga localizado dentro do parque da Universal Studios. A escritora também utilizou as redes sociais para compartilhar outras mensagens sobre Luis.

O parque “O Mundo Mágico de Harry Potter” faz parte das Islands of Adventure, um dos dois parques temáticos do Universal Resort. Ontem à noite (14), os funcionários do parque ergueram suas varinhas em homenagem às vítimas do massacre de Orlando.

Luis Vielma trabalhava no Castelo de Hogwarts, em uma atração chamada “Harry Potter e a Jornada Proibida”. Ele conciliava o trabalho no parque com a faculdade na Flórida.

 Em dez horas, o tuíte de J.K.

Rowling com a foto do jovem uniformizado foi compartilhado por mais de 30 mil pessoas.

.

Fonte: TV Foco