Miguel (Gabriel Leone) em cena de “Velho Chico”(Foto: Reprodução/Globo)Miguel (Gabriel Leone) vai se revoltar contra Afrânio (Antonio Fagundes) em “Velho Chico”, novela das nove da Globo. Nos próximos capítulos da trama de Benedito Ruy Barbosa, o jovem dará as costas para o avô e dirá que não tem os mesmos interesses que ele.
A sequência terá início quando Miguel e Tereza (Camila Pitanga) conversarem com agricultores de Grotas e propuserem que eles se encaixem nos padrões de qualidade da fazenda dos Sá Ribeiro para poderem vender suas frutas ao coronel.

Alguns dias depois disso, Afrânio terá uma conversa com o neto e dirá que os agricultores estão reclamando da demora para atingir o tal padrão. “Recuperar todos anos de manejo equivocado não é coisa que se consiga do dia para a noite”, falará Miguel.

“Ainda mais se meus empregados trocarem dia de trabalho por dedo de prosa com vagabundo no bar!”, retrucará o Saruê, se referindo a um encontro que Miguel teve com Martim (Lee Taylor).
O agrônomo, então, responderá dizendo que “não está vendo nenhum empregado lá”, se referindo a ele mesmo.

É aí que os dois vão terã uma briga feia e Miguel dará as costas para o avô.
Em outro momento, Tereza conversará sobre a briga com o filho e o rapaz se mostrará indignado.

“Eu não vim para Grotas atrás de me tornar um novo Saruê! E a senhora sabe, tão bem quanto eu, que é exatamente isso que ele quer!”. “Ele pode até querer, mas você nunca vai ser como ele, filho”, responderá Tereza.

Miguel dirá à mãe que não irá se dedicar àquilo que não acredita, e ela afirmará que não crê que o coronel mude seu jeito de pensar. “A mudança tem que vir de fora, de longe dessa fazenda e de todo o ranço que tem por trás dessa família!”.

Será neste momento que Afrânio vai entrar no quarto e perguntará qual é o ranço da família. Irritado com o avô, o rapaz irá dizer que é o ranço de Saruê.

O coronel, então, vai reclamar que o neto só sabe criticar e não apresenta qualquer resultado quando é exigido. “Os resultados que o senhor espera, meu avô, não vão chegar das minhas mãos nunca.

Porque os resultados que busco não servem para o senhor!”.
“Resultado é um só, Miguel.

E tem que caber aqui: no bolso!”, afirmará Afrânio. “Os seus podem ser que caibam, meu avô.

Os meus, não!”, rebaterá o jovem, que dará as costas para o Saruê mais uma vez.

.

Fonte: TV Foco