O atacante Lucas Pratto era o símbolo do dia seguinte à
classificação no Atlético-MG. Visivelmente aliviado e tranquilo por conta da
passagem às quartas de final da Libertadores, após a vitória por 2 a 1 sobre o Racing, o camisa nove atleticano foi o
jogador mais assediado por todos na Cidade do Galo.Torcedores que acompanharam o treino queriam tirar fotos e
pedir autógrafos mas, antes de tudo, o parabenizavam pela brilhante atuação
diante do Racing, com um gol e uma assistência.

O jogador reconheceu que a partida
contra os argentinos foi uma das melhores com a camisa do Galo.- Foi especial.

Na verdade, consegui jogar como eu queria. O
time precisava de mim.

Quando você está num dia bom você consegue fazer um algo
mais. O time, quando não conseguiu demonstrar o futebol que a gente precisava,
conseguiu buscar o resultado na entrega.

Na verdade, consegui jogar como eu queria. O
time precisava de mim.

Quando você está num dia bom você consegue fazer um algo
mais. O time, quando não conseguiu demonstrar o futebol que a gente precisava,
conseguiu buscar o resultado na entregaCom 75 jogos pelo clube e 33 gols marcados, Pratto admite
que a temporada 2016 vem sendo melhor do que o ano de estreia no Galo, quando
marcou 23 gols.

Até o momento, ele fez 10, porém, tem mais oito meses de
futebol pela frente.- Estou um pouco mais adaptado ao clube, com meus
companheiros, fazendo o que o professor está pedindo.

Tento fazer o melhor todo
o jogo. Às vezes vou bem, às vezes vou mal.

Mas sempre procuro tentar. Espero
que seja melhor (2016 do que 2015).

A ideia é que possa chegar a muito mais
gols do que ano passado. Primeiro para o time, que precisa, segundo para o
pessoal, porque é sempre importante melhorar.

Para o duelo final do Estadual contra o América-MG, neste
final de semana, Pratto se mostra confiante em uma vitória, único resultado que
dá ao Galo o título do Campeonato Mineiro.- O jogo não foi bom contra o América-MG.

No segundo tempo,
conseguimos pressionar e criar situações de gols. O América-MG entrou para
ganhar.

E quando você perde jogando mais ou menos, não é bom. Domingo
precisamos sair campeões, então faremos um jogo importante.

.

Fonte: Globo Esporte