A vitória no primeiro jogo, no Morumbi, deu ao São Paulo uma boa vantagem sobre o Atlético-MG. Para a partida de volta das quartas de final da Libertadores, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), no Independência, o time paulista joga até por um empate para poder avançar. Para o Atlético-MG, apenas uma vitória por dois gols interessa.

Triunfo por 1 a 0 leva a decisão para os pênaltis.Ciente da vantagem do adversário, o capitão do Atlético-MG, Leonardo Silva, acredita em um São Paulo fechado e jogando com o regulamento para tentar sair do Independência com a classificação.

Receita para superar isso? Pressionar.- Eles (São Paulo) virão pensando no regulamento, mas nenhuma equipe chega no Independência
querendo jogar recuado.

As equipes querem jogar de igual para igual, mas a equipe
dentro de campo, em conjunto com a torcida fora, pressiona o adversário para
encontrar as melhores oportunidades. Acredito que o São Paulo vai jogar por uma
bola sim.

Eles tem uma boa vantagem, conseguiram a vitória, e o nosso papel é
conseguir a classificação.SAIBA MAISAguirre fecha atividade, Robinho não treina, e Dátolo é novidade no GaloLeonardo Silva espera mais um jogo muito disputado, assim como foi o duelo no Morumbi, mas com a torcida do Galo podendo fazer a diferença no Horto.

– Acho que é o momento para que todos participem. Será um jogo igual ao
que foi em São Paulo, muito tenso, com todo mundo buscando seu espaço.

A
torcida presente vai fazer a diferença para que a gente consiga um grande jogo
e a classificação.O time do Atlético-MG fecha sua preparação para o duelo contra o Tricolor nesta terça-feira à tarde, na Cidade do Galo.

A imprensa, mais uma vez, não terá acesso a parte principal do treino, acompanhando só os 20 minutos iniciais da atividade, onde os jogadores fazem o aquecimento e não revela o time em campo.
.

Fonte: Globo Esporte