Continua a repercussão do empate sem gols entre Racing e Atlético-MG, pela primeiro jogo dos oitavas de final da Libertadores, que aconteceu na noite desta quarta-feira, no estádio El Cilindro, em Buenos Aires. Além do vídeo com o áudio do goleiro Saja, que desmereceu os brasileiros, dizendo que eles se borram quando jogam na Argentina, os jornais portenhos também deram destaques ao jogo entre alvicelestes e alvinegros. O diário esportivo “Olé”, um dos mais representativos da
Argentina, destacou o gol anulado de Grimi, que segundo eles foi legal.

Apesar
do empate em casa, o periódico garante que o Racing pode ficar tranquilo,
porque tiveram chances de marcar. O portal “La nueva” batizou de “agridoce” o
empate entre Racing e o “intenso” Atlético-MG.

O jornal destacou as transição rápidas
e com, o que eles chamaram de “manual de contra-ataque”, explorando a
velocidade de Robinho e Dátolo. O jornal Clarin destacou que ambas as equipes tiveram chance
de marcar e sair de Buenos Aires com a vantagem para o segundo jogo.

O periódico
elogiou muito o Atlético-MG, chamando a equipe de “hierárquica” e que não se
apequenou no estádio El Cilindro. O jornal La Razón deu ênfase para a postura
defensiva do Racing, formatada por Facundo Sava, na partida desta quarta.

Assim
como os outros veículos argentinos, deram destaque para o possível gol mal
anulado de Grimi, no primeiro tempo. 
.

Fonte: Globo Esporte