Em 2015, o Corinthians conquistou o título brasileiro com três rodadas de antecipação, e o Atlético-MG terminou com o vice. Neste ano, o Galo está novamente na briga e a disputa deve durar até a última rodada, na opinião do técnico Marcelo Oliveira. O treinador afirmou que, na luta pela taça, todas as partidas serão importantes e que os jogadores reservas também são importantes para a campanha.

– A nossa expectativa, o nosso objetivo é lutar até o fim. Na mesma
proporção, a gente sabe que é muito difícil, são muitas rodadas, temos
que estar muito preparados para cada jogo.

Cada jogo, em um campeonato
como este, tem caráter decisivo. A concorrência esse ano parece que vai
ser maior.

Os times estão muito próximos. Temos que estar atentos em
todas as partidas, muito concentrados.

Eventuais lesões e suspensões,
temos que temos que estar com os suplentes preparados, para que o time
não caia de produção. Vamos para esse confronto com o Grêmio, que é um
concorrente direto, sabendo das dificuldades e também muito fortes, para
buscar um grande resultado – disse o treinador.

Neste domingo, o Atlético-MG terá pela frente o Grêmio, em Porto Alegre. Embora o Galo seja o vice-líder e o Tricolor seja o sexto lugar, Marcelo Oliveira acredita que esta partida será “chave”.

O técnico destacou o bom desempenho do seu time em Belo Horizonte e espera que a equipe mineira seja capaz também de conseguir pontos fora de casa.- Eu acho que todos eles têm possibilidades, têm capacidade.

São times
bem armados, alguns mantêm os seus técnicos, a base do time. Assim como o
Atlético, embora tenha tido algumas lesões nesse percurso.

A gente vai
forte. O Atlético não ganha o campeonato há 45 anos, isso é um motivador
a mais.

Temos um aproveitamento alto em casa, precisamos fazer
resultados importantes como esse. Acho que é um jogo chave.

O Grêmio é
um time bem armado, de muita mobilidade, que pressiona muito no seu
campo. Vamos sabendo disso tudo, temos que competir muito lá, para
tentar conseguir um bom resultado.

Marcelo Oliveira, técnico do Atlético-MG, espera que luta pelo título dure até o fim (Foto: Bruno Cantini/CAM)
.

Fonte: Globo Esporte