Ainda sem saber o que é vitória à frente do Atlético-MG, o técnico Marcelo Oliveira terá mais uma chance neste domingo, contra o Sport, às 16h (de Brasília), na Ilha do Retiro. Para isso, o treinador alvinegro sabe o caminho que o time terá que percorrer para voltar de Pernambuco com os três pontos: acertar o alvo. Neste Campeonato Brasileiro, o Galo é o time que mais finalizou, 87 no total, fazendo apenas quatro gols – média de 21,75 chutes para cada gol.

Os que mais chutam são Patric com 14, e Carlos com 11. Dos cinco jogos até aqui no Campeonato Brasileiro, em quatro deles o Galo finalizou mais que o adversário.

A única vez que perdeu no quesito foi contra o Vitória, no empate por 1 a 1, em Salvador, onde o time atleticano saiu na frente e levou o gol de empate na reta final, perdendo diversas oportunidades de matar o jogo.Atlético-MG finalizou 87 vezes no Brasileirão e marcou quatro golsMédia de 21,75 chutes para cada golO técnico Marcelo Oliveira está ciente do problema que o time vai enfrentando e, nos treinamentos, vem tentando resolver a questão.

A marca dos times que o treinador passou nos últimos anos era a grande quantidade de gols, e ele espera repetir isso agora no comando do Atlético-MG.- No futebol, se você não chutar, não vai sair.

O treinamento é um ensaio para o jogo. Tentamos repetir outras vezes.

Pode ser por várias coisas (a falta de gols). Desentrosamento, porque tem um time que não está jogando junto, pela qualidade do jogador, pela experiência.

Comigo, nos últimos trabalhos, as equipes sempre tiveram na frente em relação a gols. Isso é muito trabalhado no dia a dia para que possa melhorar e fazer o gol.

Para tentar solucionar este problema de finalizações, uma opção são os chutes de longa distância. Quem pode ajudar nisso é o volante Lucas Cândido.

Improvisado na lateral-esquerda enquanto Douglas Santos não volta da seleção, ele chuta bem e já marcou bonitos gols de longe, como o contra o Flamengo (Veja o vídeo do gol no vídeo abaixo).- Todo mundo está tendo chance de
marcar.

Temos que chutar mais. Temos que caprichar mais na finalização.

É só
com o trabalho que isso melhora – destacou o lateral.O duelo contra o Sport colocará outro time que tem baixo aproveitamento nas finalizações, pois o time pernambucano é dono do pior ataque do Campeonato Brasileiro.

Antes de viajar para  Pernambuco, o Atlético-MG faz o último treino neste sábado. É a última chance do técnico Marcelo Oliveira aprimorar a pontaria dos seus comandados.

 
.

Fonte: Globo Esporte