O Atlético-MG fez valer o fator campo e comemorou mais uma vitória no Independência. Dessa vez, o rival foi o Atlético-PR, que vendeu caro a derrota: o placar de 1 a 0 para o Galo teve que ser conquistado com muito suor.O gol de Robinho, de pênalti (veja os melhores momentos no vídeo acima), ainda no primeiro tempo fez justiça ao melhor futebol dos donos da casa na primeira etapa.

No segundo tempo, o Furacão esbarrou no goleiro Victor, nas falhas de finalização e na entrega do time mineiro em garantir o resultado a todo custo. Enquanto o mineiro chegou aos 38 pontos, o paranaense estacionou nos 30 pontos.

LEIA MAISConfira como foi o Tempo Real do jogoVeja como está a classificação do Campeonato BrasileiroNa próxima rodada, o Atlético-MG vai ao Sul, onde encara o Grêmio, na Arena Grêmio, em Porto Alegre, domingo, às 16h (de Brasília). O Atlético-PR recebe o Botafogo, na segunda-feira, dia 29, em Curitiba, na Arena da Baixada, às 20h (de Brasília).

Os times podem até ter o mesmo nome, mas um tem Robinho e o outro não. Por isso, o Atlético-MG foi para o vestiário no intervalo vencendo por 1 a 0.

A jogada foi de Carlos, que driblou Thiago Heleno até sofrer pênalti. Na cobrança, bola para um lado, Santos para o outro.

Foi o nono gol de Robinho no Brasileiro, vice-artilheiro da competição, atrás de Gabriel Jesus, com dez.Mas o Galo também tinha um sistema defensivo desfalcado.

Do zagueiro Erazo um dos pilares do sistema, do lateral Douglas Santos, na seleção, e do volante Rafael Carioca, suspenso. Com isso, o Atlético-PR, que também tinha desfalques – especialmente no gol, já que Weverton está com a Seleção na Olimpíada -, foi para cima no segundo tempo e criou chances.

Além de ganhar boas oportunidades com erros individuais da defesa alvinegra. O goleiro Victor fez a diferença ao fazer duas grandes defesas em finalizações de André Lima e Thiago Heleno.

E os três pontos acabaram ficando com o xará de Minas Gerais.
.

Fonte: Globo Esporte