na torcidaboa, cazares!voleio, bicicleta…

DOEUdoeu (2)aguirre no banco

O Atlético-MG estreou com pé direito no Campeonato Brasileiro 2016. Mesmo jogando com um time reserva – já que quarta-feira tem jogo decisivo na Libertadores -, venceu o atual campeão paulista Santos por 1 a 0 no Independência.

Brilhou a estrela do equatoriano Cazares, que jogou bem e fez o único gol da partida. O duelo no Independência teve Robinho e Leonardo Silva como torcedores, o técnico Diego Aguirre assistindo a tudo do banco de reservas e alguns sustos.

Confira:01na torcidaPoupados do jogo contra o Santos, visando o jogo de quarta-feira pela Libertadores, o atacante Robinho e o zagueiro Leonardo Silva fizeram questão de ir ao Independência acompanhar o time reserva do Atlético-MG na estreia no Campeonato Brasileiro.01boa, cazares!A torcida do Atlético-MG tanto pediu que Cazares, enfim, ganhou nova chance como titular do Atlético-MG.

Para retribuir, o equatoriano marcou o gol da vitória atleticana em cima do Santos na noite de sábado, no Independência. 01voleio, bicicleta.

..

No fim do primeiro tempo, o Atlético teve chances de marcar em dois lances bonitos.
O primeiro com Clayton que, depois de receber o cruzamento da direita, dominou
no peito e tentou emendar num voleio.

Na sequência, Lucas Cândido pegou o
rebote e arriscou uma bicicleta. Mas o goleiro do Santos defendeu.

 01DOEUApós chute de longe de Vitor Ferraz, Uilson rebateu a bola e quando foi buscá-la, acabou atingido por dois jogadores do Santos. Primeiro, pela joelhada de Gabigol e, em seguida, levou uma
canelada de Serginho.

Apesar das dores e do susto, o goleiro do Galo se levantou e seguiu em campo. 01doeu (2)Outro lance que preocupou a torcida do Atlético-MG teve o meia Clayton como protagonista.

Em uma dividida com o zagueiro santista David Braz, ele levou a pior, torcendo o tornozelo direito. Chegou a bater com uma das mãos no gramado, demonstrando ter sentido muitas dores no lance.

Mas, pouco tempo depois, se levantou. Mancando, continuou no jogo.

 01aguirre no bancoO técnico Diego Aguirre assistiu boa parte do jogo sentado no banco de reservas. Em vários momentos, trocou ideia com auxiliares, mas sem repassar nada para os jogadores em campo.

 
.

Fonte: Globo Esporte