Num campeonato tão disputado como o Brasileiro geralmente o
campeão é o clube que se destaca por ter uma campanha regular tanto nos jogos
em casa como fora. No entanto, ao fazer uma análise mais profunda da tabela
podemos perceber com detalhes como é o rendimento das equipes no decorrer das
partidas. O líder Palmeiras, por exemplo, tem como o seu ponto forte o ótimo
aproveitamento como mandante.

Dos 29 pontos conquistados até a 14ª rodada, 22
(sete vitórias e um empate) foram obtidos atuando oito vezes no seu estádio (confira no vídeo acima). É
a melhor campanha de um time atuando em casa até o momento na competição.

Em segundo lugar
aparece o Corinthians, com 19 pontos em sete jogos.Na sequencia vêm o Grêmio,
com 18 pontos em sete duelos, seguido pelo Atlético-PR, com 16 pontos em seis
partidas, e Santos, com 15 pontos em seis confrontos.

O destaque negativo fica
por conta do Cruzeiro que somou apenas seis pontos em sete partidas nos seus
domínios. Uma pontuação inferior até mesmo que a do lanterna América-MG, que
obteve sete dos seus oito pontos atuando em casa.

A duas posições do Z-4, mas
com a mesma pontuação do Figueirense (15), primeiro time na zona do
rebaixamento, a situação da Raposa só não é mais preocupante, pois o seu
desempenho como visitante vem amenizando os resultados adversos em casa.

Se levarmos em consideração o índice de aproveitamento em
função do número de jogos disputados em casa, a melhor campanha continua sendo
do Palmeiras, com 91,6%, seguido também pelo Corinthians, com 90,4%.

Logo
depois vêm o Atlético-PR, com 88,8%, e o Grêmio, com 85,7%, respectivamente
quinto e terceiro colocados na tabela de classificação. Quarto colocado, com 23
pontos, o Santos tem o quinto melhor rendimento como mandante, com 83,3%, mas
em apenas seis partidas realizadas.

Na parte inferior da tabela, a pior
performance  também é do Cruzeiro, com
28,5%. Em sete jogos, a equipe Celeste conseguiu só uma vitória, três empates e
três derrotas.

 Entre os visitantes, a disputa é mais equilibrada. Cinco times – Corinthians,
Grêmio, Cruzeiro, Fluminense e Flamengo – têm nove pontos, enquanto outros
quatro – Santos, Ponte Preta, São Paulo e Chapecoense – somam oito pontos.

O
líder Palmeiras, por sua vez, tem sete pontos, assim como Internacional,
Atlético-MG e Atlético-PR. Sensação no início do Brasileirão, o Santa Cruz só
conquistou dois pontos.

Mesma pontuação de Coritiba e Figueirense. Pior que eles
só o América-MG, com apenas um ponto.

Em termos de aproveitamento fora de casa, o Flamengo aparece na liderança com 50%.
São três vitórias e três derrotas em seis confrontos (confira no vídeo acima).

Em segundo lugar estão
Corinthians (três vitórias e quatro derrotas), Grêmio (duas vitórias, três
empates e duas derrotas) e Cruzeiro (três vitórias e quatro derrotas), ambos
com 42,8%. O líder Palmeiras, com sete pontos, tem a
quinta melhor performance como visitante, com 38,8% (duas vitórias, um empate e três derrotas em seis jogos).

O rendimento do Flu, por sua vez, não é dos melhores. Embora tenha nove pontos
é o nono colocado, com 37,5% – duas vitórias, três empates e três derrotas em oito partidas -, atrás
de Ponte Preta, São Paulo e Chapecoense – duas vitórias, dois empates e três
derrotas, todos com 38%.

A diferença no desempenho dos clubes varia de acordo
com a pontuação e do número de jogos realizados. Com só um ponto em sete
partidas fora de casa, o América-MG tem o pior aproveitamento como visitante
(4,7%), o que de certa forma explica a sua ultima posição no Brasileirão.

 Confira o aproveitamento dos 20 clubes da Série A como mandante de acordo com número de jogos.1) Palmeiras – 91,6% – oito jogos – sete vitórias e um empate
2) Corinthians – 90,4% – sete jogos – seis vitórias e um empate
3) Atlético – PR – 88,8% – seis jogos – cinco vitórias e um empate
4) Grêmio – 85,7% – sete jogos – seis vitórias e uma derrota
5) Santos – 83,3% – seis jogos – cinco vitórias e uma derrota
6) Ponte Preta – 71,4% – sete jogos – cinco vitórias e duas derrotas7) São Paulo – 61,9% – sete jogos – quatro vitórias, um empate e duas derrotas
Internacional – 61,9% – sete jogos – quatro vitórias, um empate e duas derrotas
Atlético-MG – 61,9% – sete jogos – quatro vitórias, um empate e duas derrotas
Figueirense – 61,9% – sete jogos – três vitórias e quatro empates
11) Flamengo – 58,3% – oito jogos quatro vitórias, dois empates e duas derrotas
12) Vitória – 57,1% – sete jogos – três vitórias, três empates e uma derrota
13) Coritiba – 54,1% – oito jogos – três vitórias, quatro empates e uma derrota
14) Botafogo – 52,3% – sete jogos – três vitórias, dois empates e duas derrotas
15) Fluminense – 50% – seis jogos – duas vitórias, três empates e uma derrota
Santa Cruz – 50% – oito jogos – quatro vitórias e quatro derrotas
17) Chapecoense – 47,6% – sete jogos – duas vitórias, quatro empates e uma derrota 
18) Sport – 44,4% – seis jogos – duas vitórias, dois empates e duas derrotas
19) América-MG – 33,3% – sete jogos – duas vitórias, um empate e quatro derrotas
20) Cruzeiro – 28,5% – sete jogos – uma vitória, três empates e três derrotas Confira a classificação levando em consideração apenas a pontuação como mandante.

1) Palmeiras – 22 pontos
2) Corinthians – 19 pontos
3) Grêmio – 18 pontos
4) Atlético-PR – 16 pontos
5) Santos – 15 pontos
6) Ponte Preta – 15 pontos7) Flamengo – 14 pontos
8) São Paulo – 13 pontos
9) Internacional – 13 pontos
10) Atlético-MG – 13 pontos
11) Figueirense – 13 pontos
12) Coritiba – 13 pontos
13) Vitória – 12 pontos
14) Santa Cruz – 12 pontos
15) Botafogo – 11 pontos

16) Chapecoense – 10 pontos19) Fluminense – 9 pontos
18) Sport – 8 pontos
19) América-MG – 7 pontos
20) Cruzeiro – 6 pontosConfira o aproveitamento dos 20 clubes da Série A como visitante de acordo com o número de jogos.1) Flamengo – 50% – seis jogos – três vitórias e três derrotas
2) Corinthians – 42,8% – sete jogos – três vitórias e quatro derrotas
Grêmio – 42,8% – sete jogos – duas vitórias, três empates e duas derrotasCruzeiro – 42,8% – sete jogos – três vitórias e quatro derrotas
5) Palmeiras – 38,8% – seis jogos – duas vitórias, um empate e três derrotas6) Ponte Preta – 38% – sete jogos – duas vitórias, dois empates e três derrotas
São Paulo – 38% – sete jogos – duas vitórias, dois empates e três derrotas
Chapecoense – 38% – sete jogos – duas vitórias, dois empates e três derrotas
9) Fluminense – 37,5% – oito jogos – duas vitórias, três empates e três derrotas
10) Internacional – 33,3% – sete jogos duas vitórias, um empate e quatro derrotas
Atlético-MG – 33,3% – sete jogos – uma vitória, quatro empates e duas derrotasSantos – 33,3% – oito jogos – duas vitórias, dois empates e quatro derrotas13) Atlético-PR – 29,1% – oito jogos – duas vitórias, um empate e cinco derrotas
14) Vitória – 28,5% – sete jogos – uma vitória, três empates e três derrotas
15) Botafogo – 23,8% – sete jogos – uma vitória, dois empates e quatro derrotas16) Sport – 16,6% – oito jogos – uma vitória, um empate e seis derrotas
17) Santa Cruz – 11,1% – seis jogos – dois empates e quatro derrotas
Coritiba – 11,1% – seis jogos – dois empates e quatro derrotas
19) Figueirense – 9,5% – sete jogos – dois empates e cinco derrotas
20) América-MG – 4,7% – sete jogos – um empate e seis derrotas<i></i>Confira a classificação levando em consideração apenas a pontuação como visitante.

1) Corinthians – 9 pontos 2) Grêmio – 9 pontos3) Cruzeiro – 9 pontos4) Fluminense – 9 pontos5) Flamengo – 9 pontos6) Santos – 8 pontos7) Ponte Preta – 8 pontos8) São Paulo – 8 pontos9) Chapecoense – 8 pontos10) Palmeiras – 7 pontos11) Internacional – 7 pontos12) Atlético-MG – 7 pontos13)Atlético-PR – 7 pontos14) Vitória – 6 pontos15) Botafogo – 5 pontos16) Sport – 4 pontos17) Santa Cruz – 2 pontos18) Coritiba – 2 pontos19) Figueirense – 2 pontos20) América-MG – 1 ponto
.

Fonte: Globo Esporte