Nas duas edições da Libertadores pós-título de 2013, o Atlético-MG passou da fase de grupos, mas caiu precocemente no mata-mata. Foram quedas para Atlético Nacional, da Colômbia, e Internacional, ambas nas oitavas de final. Agora, contra o Racing, nesta quarta-feira, às 21h45 (de Brasília), o time brasileiro tenta quebrar o curto tabu recente.

No primeiro jogo entre os times, em Buenos Aires, empate sem gols. Com isso, quem vencer o duelo no Independência fica com a vaga para as quartas de final.

Novo empate por 0 a 0 leva a decisão para as penalidades máximas. Se a igualdade for com gols, a classificação fica com os argentinos.

O técnico Diego Aguirre leva uma grande dúvida para a partida: Cazares ou Patric. Os dois disputam uma vaga no ataque, juntamente com Lucas Pratto e Robinho.

Assim como nos outros jogos que fez em casa, a estratégia do Atlético-MG é partir para cima logo de cara e abrir o placar cedo, obrigado o time argentino a ir para cima e deixar espaço na defesa.Vindo de vitória no Campeonato Argentino, o Racing chega a Belo Horizonte com muita confiança de que poderá se sair bem da pressão da torcida e do Atlético-MG no Independência.

Com Gustavo Bou liberado, mas que ficará no banco de reservas, o Racing deverá repetir a formação do primeiro jogo. Em Belo Horizonte, a equipe não realizou treinos, mas o técnico Facundo Sava não tem dúvidas em relação ao time.

 Velho conhecido da torcida do Atlético-MG por já ter apitado duas partidas da equipe na Libertadores (uma em 2013 e outra em 2014), Daniel Fedorczuk será Daniel Fedorczuk será o dono do apito, sendo auxiliado por Mauricio Espinosa e Richard Trinidad. A TV Globo Minas transmite o duelo entre Atlético x Racing para todo o Brasil, a partir das 21h45, e o GloboEsporte.

com acompanha todos os detalhes do jogo, em Tempo Real.Atlético-MG: Diego Aguirre tem o time praticamente pronto na cabeça, com apenas uma dúvida.

O Atlético-MG que vai decidir a vaga nas quartas de final terá: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Erazo e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Júnior Urso, Patric (Cazares) e Robinho; Lucas Pratto.Racing: Mesmo com Bou liberado, o técnico Facundo Sava deve repetir a equipe do primeiro jogo.

Assim, o time vai a campo com: Saja; Pillud, Vittor, Sánchez e Grimi; Videla, Aued e Acuña; Romero, Noir e Lisandro López.Atlético-MG: Luan e Dátolo, ambos lesionados, seguem como desfalques e não jogam contra o Racing.

Racing: Por opção do treinador, o meia Rodrigo De Paul não foi relacionado, assim como no primeiro jogo. O volante Cerro continua se recuperando de contusão.

.

Fonte: Globo Esporte