O Atlético-MG conta com um importante reforço, disposto a
“estrear” na temporada. Apesar de já ter atuado em 2016 e até ter marcado gol, o
meia Dátolo conviveu com três lesões que fizeram com que o argentino,
praticamente, perdesse o primeiro semestre. As seguidas contusões musculares de Dátolo fizeram também com
que ele não seja mais titular do Atlético-MG, já que
iniciou o ano como um dos 11 principais do então técnico Diego Aguirre.

Na última lesão, Dátolo interrompeu o tratamento para poder
atuar no sacrifício diante do São Paulo, no jogo de volta, mas o estiramento
voltou. Apesar disso, o argentino não se arrepende.

Quero mudar o que aconteceu anteriormente. É difícil ficar
machucado.

A última lesão foi porque fui no limite. Eu quis voltar antes.

A
gente precisava. O torcedor não sabe disso.

Todo jogador quer se entregar e dar
seu máximo. Tem que arriscar.

Eu me arrisquei e aconteceu. Se voltasse no
tempo, eu jogaria com uma perna só.

Pelo Galo vale tudo- Quero mudar o que aconteceu anteriormente. É difícil ficar
machucado.

A última lesão foi porque fui no limite. Eu quis voltar antes.

A
gente precisava. O torcedor não sabe disso.

Todo jogador quer se entregar e dar
seu máximo. Tem que arriscar.

Eu me arrisquei e aconteceu. Se voltasse no
tempo, eu jogaria com uma perna só.

Pelo Galo vale tudo.Dátolo promete voltar a atuar em alto nível.

No ano, fez
apenas 14 jogos e marcou um gol (relembre no vídeo acima). Justamente contra o América-MG, adversário de
domingo.

O meia espera brigar pela posição com Cazares,
Carlos Eduardo e Maicosuel, os meias do elenco.- Um (meia) vai tentar melhorar e conquistar a vaga de
titular.

Eu tenho que respeitar os caras que estão jogando. Mas estou lutando
para conquistar uma vaga e muito entusiasmado por ter voltado, e por ter
tido oportunidade com o treinador.

Dátolo prefere jogar como meia centralizado. Foi assim que
voltou ao time, na última rodada, contra o Corinthians, quando entrou na vaga
de Clayton, no segundo tempo, e Cazares foi deslocado para a esquerda.

– Pela minha característica, acho melhor jogar no meio. Mas
durante o jogo acontecem mudanças.

Temos que nos movimentar. Vou me sentir bem
jogando em qualquer lugar.

Mas minha posição sempre foi no meio.Pode ser.

..

O técnico Marcelo Oliveira admitiu que Dátolo pode atuar ao
lado de Cazares, principal meia do Atlético-MG atualmente.- É possível.

Tudo é possível. O Dátolo já jogou como segundo
volante, como meia.

Está em processo de recuperação física ainda. Coloquei no
último jogo porque achei que poderia acrescentar.

Mas podem atuar juntos, sim.
.

Fonte: Globo Esporte