O discurso no River-PI mesclava cautela e confiança no aeroporto
Senador Petrônio Portela na tarde desta terça-feira, no embarque para Goiânia,
onde a equipe enfrenta o Goiás amanhã pelo jogo de volta da primeira fase da
Copa do Brasil. Com uma vantagem de um gol construída no jogo de ida, jogadores
e técnicos pregam cuidado contra o adversário difícil, mas ressaltam a
qualidade do elenco capaz de buscar a classificação para a fase seguinte.O técnico Capitão faz elogios ao time do Goiás, que ele
considera “o adversário mais difícil do ano até aqui”.

Ainda assim, e tendo em
mente a vantagem por 2 a 1 com a vitória no estádio Albertão, o treinador
colocou como objetivo na mente dos jogadores a classificação, meta que ele
considera possível com a qualidade que a equipe tem.- Fizemos uma preparação muito boa.

Mostramos para os
atletas a importância que este jogo tem. Sabemos das dificuldades que vamos
enfrentar lá em Goiânia, do poderio da equipe do Goiás jogando dentro de casa,
mas também sabemos da qualidade da nossa equipe, que tem feito grandes jogos ao
longo desse ano e esperamos que possa se repetir lá em Goiânia para que
possamos trazer a classificação para Teresina – diz.

Para este jogo, o técnico Capitão ainda bate cabeça com algumas
questões para escalar os titulares que entrarão em campo. Sem Esquerdinha, que
cumpre suspensão por cartão vermelho sofrido na Copa do Nordeste, e com Júnior Xuxa
de dúvida após torcer o tornozelo, o treinador ainda pensa quando e como
utilizar Eduardo, atacante que retornou ao time no fim de semana e já foi
regularizado no BID.

– Eduardo foi uma das peças que nós fizemos questão de pedir
ao presidente, pela qualidade que tem e pela sua história no clube. Acredito
que vai acrescentar muito e até a hora do jogo vamos estudar bem, e se tiver possibilidade
com certeza ele vai jogar.

O Xuxa nós temos algumas opções para o lugar dele,
mas vamos esperar até o último momento e confiamos que ele possa estar em
campo, porque também é uma peça importantíssima para a nossa equipe – afirma.Vanderlei, maior goleador do River-PI na temporada, também
tem boas expectativas para a partida.

O atacante ressalta a importância de não
sofrer gols, mas nega que o time vá apenas para se defender.- A gente tem essa boa vantagem, mas a gente sabe que é um
jogo difícil.

A gente vai fazer o que a gente fez dentro de casa, jogar com
tranquilidade e o importante é não sofrer gol. Nosso time é um time experiente,
inteligente.

Não é porque estamos na casa do adversário que não vamos jogar.
Creio eu que vamos ter espaço, porque eles vão ter que sair para o jogo –
analisa.

River-PI e Goiás se enfrentam às 19h30 no estádio Serra
Dourada. Como venceu o primeiro jogo, em Teresina, por 2 a 1, o Tricolor tem a
vantagem do empate ou qualquer vitória para avançar.

Caso perca por 1 a 0, a
vaga será do Goiás e 2 a 1 para o Esmeraldino leva a decisão para os pênaltis.  Qualquer outra vitória do time da casa
classifica-os para a segunda fase.

.

Fonte: Globo Esporte