O Atlético-MG perdeu a vantagem de ter feito uma campanha
melhor que a do América-MG na primeira fase do estadual. A derrota no primeiro
jogo da decisão, por 2 a 1, no Independência, foi reflexo da atuação ruim do
time, principalmente na primeira etapa. No segundo tempo, o Galo até melhorou,
mas pecou nas chances de gol perdidas, entre elas o pênalti desperdiçado por
Robinho.

O atacante reconheceu que não foi bem na cobrança, defendida
por João Ricardo, mas vê a decisão em aberta e revela bronca com o zagueiro
Alison por desentendimentos durante a partida.Com todo respeito ao João, mas eu bati mal.

A decisão está
aberta- Com todo respeito ao João, mas eu bati mal. A decisão está
aberta.

Deixar um recado para o número 3 deles, o Alison, que saiu tratando a
gente mal. No futebol tudo pode mudar.

Na entrevista coletiva, Diego Aguirre mostrou tranquilidade ao comentar o pênalti perdido e confiança em seu atacante.- Robinho, imagino que já bateu pênalti importante na sua vida.

Não ia falar para Robinho não bater um pênalti, porque é o Robinho.Questionado se a derrota deste domingo interfere na partida
de quarta-feira, contra o Racing, pela Libertadores, Robinho garante que o time
tem condições de ter uma boa semana e alcançar os dois objetivos.

– A gente tem plenas condições de ser campeão, como temos
plenas condições de ganhar na quarta-feira.Os jogadores se reapresentam nesta segunda-feira a tarde, na
Cidade do Galo.

O duelo contra o Racing será nesta quarta-feira, às 21h45 (de
Brasília), no Independência. No primeiro jogo, em Buenos Aires, brasileiros e
argentinos empataram por 0 a 0.

Uma vitória simples coloca o Galo nas quartas de
final da Libertadores.
.

Fonte: Globo Esporte