Dos 20 times do Campeonato Brasileiro da Série A, só um tem o ataque mais poderoso que o do Atlético-MG. Pelo menos nos números. O Palmeiras fez 35 gols até aqui na competição, enquanto o alvinegro fez 33.

No caso do Galo, boa parte do mérito dos gols marcados passa diretamente por três nomes: Pratto, Robinho e Fred. O trio PRF custou muito dinheiro e esforço da diretoria atleticana, mas é responsável por quase metade dos gols do time do Brasileirão e, desde que começou a jogar junto, está invicto.

Pratto voltou ao time titular há apenas três jogos, já que se recuperava de lesão. Também por isso, tem apenas um gol no Brasileirão – marcado contra o São Paulo.

Mas não só de gols vive. O argentino tem colaborado muito, desde o seu retorno, com a criação de jogadas ofensivas do time e até com a marcação dos jogadores adversários.

LEIA MAIS>>> Cazares aparece em campo na reapresentação do Galo>>> Luan tem estiramento na coxa esquerda constatadoFred e Robinho vivem fase espetacular. O primeiro é o vice-artilheiro do time na competição com sete gols marcados e também vem demonstrando muita qualidade para servir os companheiros e disposição para marcar.

Robinho, por sua vez, fez oito e é o principal goleador do time e tem resolvido jogos com frequência para o Galo. Os últimos três jogos foram um cartão de visita do trio, já que todos eles foram titulares.

Foram três vitórias e oito gols marcados, desempenho que deixa o torcedor atleticano extremamente otimista para o restante do ano. Além disso, em nenhum desses jogos, o trio passou em branco.

Contra o Santa Cruz, jogo que marcou a volta de Pratto ao time titular, Fred e Robinho marcaram no triunfo por 3 a 0. Na rodada seguinte, contra o São Paulo, foi a vez do argentino fazer um dos gols da vitória por 2 a 1.

Contra a Chapecoense, no último jogo do primeiro turno – vitória por 3 a 1, Robinho fez mais um.Só elogiosNesta quarta-feira, quando o time alvinegro se reapresentou na Cidade do Galo para dar início aos treinamentos para enfrentar o Santos, domingo, na Vila Belmiro, às 16h (de Brasília), o trio ofensivo foi assunto.

Erazo, por exemplo, falou da inteligência e disposição dos atacantes.- Quando temos jogadores
que entendem que quando a gente não tem a bola, precisamos de todo mundo, fica
mais fácil para nós.

Hoje temos jogadores que são obedientes taticamente
também. A humildade de Fred e Pratto para marcar é impressionante.

Quando você
vê aquela vontade de seu parceiro em campo, é muito bom, isso ajuda o Atlético. Se a gente
continuar pensando que todos são importantes, com certeza no final do ano vamos
conseguir alguma coisa importante.

Pratto, Fred e Robinho são jogadores excepcionais, fica fácil jogar ao lado deles.Maicosuel, que é quem está completando a formação ofensiva do Atlético-MG, no momento, ao lado de Pratto, Robinho e Fred, também fez grandes elogios aos companheiros.

Ele colocou o trio como um dos melhores que já jogou na carreira.- Pratto, Fred e
Robinho são jogadores excepcionais, fica fácil jogar ao lado deles.

 Se
não for (o melhor trio que já jogou ao lado), é um dos melhores. São jogadores de alta qualidade, de bagagem.

Robinho e Fred nós conhecemos a história que eles têm, são jogadores mundialmente conhecidos. O Pratto foi o melhor jogador na Argentina ano passado e aqui já mostrou muita
qualidade, já nos ajudou muito.

É um dos melhores ataques que já joguei.
.

Fonte: Globo Esporte