A ida do lateral Bryan, do América-MG para a Toca da Raposa II, pode melar. Durante a festa de lançamento do Campeonato Brasileiro 2016, em São Pauo, Daniel Nepomuceno, presidente do Atlético-MG, abriu conversas com Alencar da Silveira Júnior, um dos presidentes do conselho gestor do Coelho, sobre o jogador. O Galo tem interesse na contratação do atleta para reforçar o setor esquerdo.

Douglas Santos, titular da posição no time alvinegro, foi convocado para defender a seleção brasileira na Copa América. Ele também está contado para disputar os Jogos Olímpicos do Rio 2016 e desfalcar o Atlético-MG por um longo período.

Douglas pode ficar sem defender o Galo em até 17 jogos. Por causa dessa situação, o nome de Bryan ganhou força nos bastidores atleticanos.

O Galo está disposto a pagar a mesma quantia que o Cruzeiro para fechar com o lateral, de 24 anos. Nepomuceno tem a seu favor a amizade com Alencar da Silveira.

O dirigente americano também está insatisfeito com a forma como o Cruzeiro conduziu a negociação. Representantes da Raposa conversaram diretamente com os procuradores do atleta, sem consultar a direção do América-MG.

Apesar de as partes não confirmarem a transação de forma oficial e desconversarem sobre o assunto, a ida do jogador para a Toca está bem perto de ser concretizada. No entanto, o Atlético-MG espera convencer América-MG e empresários para levar o lateral.

O destino de Bryan só deve ser definido após a final do Campeonato Mineiro, domingo, no Mineirão. Com a saída de Fabrício para o Palmeiras, o Cruzeiro viu a necessidade da contratação de um lateral-esquerdo, já que o grupo profissional não possui atleta da posição – o meia Sánchez Miño tem jogado improvisado.

Bryan começou nas categorias de base do América-MG e passou, por empréstimo, pelo Benfica, de Portugal, Portuguesa e Ponte Preta. O lateral tem contrato com o Coelho até agosto deste ano.

.

Fonte: Globo Esporte