Permanecer em Belo Horizonte ou ir para o Centro-Oeste do Brasil? São as alternativas do Cruzeiro, pelo menos até agora, para atuar “em casa” enquanto o Mineirão estará entregue ao Comitê Olímpico Internacional (COI) para as partidas que o estádio irá abrigar durante a próxima Olimpíada. O período será entre 25 de julho e 22 de agosto e, neste período, a Raposa atuará como mandante contra o Coritiba e Internacional. O Independência é o nome mais forte nas bastidores, mas a diretoria também tem ofertas de levar a partida para Cuiabá.

Brasília também era uma opção, mas o Mané Garrincha foi interditado por causa da briga entre torcedores do Palmeiras, no último domingo, em partida contra o Flamengo.As partidas são pela 18ª e 20ª rodadas do Brasileiro e, em nenhuma delas, Atlético-MG e América-MG, equipes que costumam mandar partidas no Independência, jogarão como mandantes.

Por isso, pela questão de logística e também para evitar o cansaço dos atletas, o estádio é o preferido entre todos.- A parte técnica pesa mais no futebol.

A decisão vai caber ao departamento de futebol. Mas, na minha opinião, jogar em casa é melhor, porque joga perto da torcida, não tem estresse de viagem.

Estamos
conversando, e a decisão deve ser nos próximos dias, 10, 15 dias, até o final de junho – disse o diretor comercial e de marketing do Cruzeiro, Robson Pires.Para o jogo contra o Internacional, a outra opção é levar a partida para a Arena Pantanal, em Cuiabá.

Mas o cansaço da viagem em meio a duas partidas em dois domingos pesa contra o estádio do Centro-Oeste. Já para a partida contra o Coritiba, uma opção seria Brasília, mas a cidade já era plano B, por causa da disponibilidade de datas do estádio Mané Garrincha.

 

– Tem algumas opções também de fora, algumas propostas de jogar fora
de Belo Horizonte.
Cuiabá e Brasília são alguma delas, sim, mas Brasília, por exemplo, tem a questão da disponibilidade de datas.

Então, estamos olhando isso direitinho sim. O último jogo cruzeirense em casa, antes de o Mineirão ser entregue à Olimpíada, é contra o Sport, dia 24 de julho, contra o Sport, pela 16ª rodada.

A volta será pouco mais de um mês depois, também contra um pernambucano. Será diante do Santa Cruz, em 28 de agosto, em partida da 22ª rodada.

O Mineirão será palco de 10 partidas durante a Olímpiada do Rio. Seis serão do feminino, enquanto quatro irão ocorrer pelo masculino.

As partidas serão realizadas entre os dias 3 e 20 de agosto. Mas, antes, o estádio passará por adequações visuais para sediar a partida.

O último dia do estádio como será será o mais importante, já que ocorrerá a decisão da medalha de bronze entre seleções masculinas.
.

Fonte: Globo Esporte