Sem um treinador há duas semanas, desde que Deivid foi demitido, o Cruzeiro corre atrás de Ricardo Gomes, hoje no Botafogo, para ocupar a cadeira de comandante do elenco para o Campeonato Brasileiro. Mas, diante da excelente campanha realizada pelo Audax no Campeonato Paulista, com o vice-campeonato e, principalmente, pela forma “utópica” de jogar, o jornalista Carlos Cereto gostaria de ver o trabalho de Fernando Diniz comandando a Raposa na competição nacional (assista ao vídeo).Fernando Diniz Dorival Junior Santos Audax (Foto: Ale Vianna/Eleven/Estadão Conteúdo)- Eu perguntaria para o presidente do Cruzeiro, que quer o Ricardo Gomes, que é um excelente técnico: “Por que não contratar o Fernando Diniz?”.

Estou citando o Cruzeiro porque é o time que está sem técnico. Essa pergunta tem que ser feita ao presidente.

É evidente que passa (a forma de jogar) pelo tempo. O Audax joga assim há 3 ou 4 anos, mas só agora que deu resultado desse jeito, como resultado de excelência.

E se o Audax tem jogadores mais qualificados como, por exemplo, o Ricardo Oliveira, o resultado da final paulista poderia ter sido outro ontem. Então, deve-se perguntar ao time grande porque não contratar o Fernando Diniz porque, em tese, a curto prazo, é muito difícil jogar desse jeito – comentou.

 Também presente no “Redação SporTV”, Carlos Eduardo Éboli acredita que a cultura dos dirigentes brasileiros, especialmente dos times grandes, que exigem resultado a curto prazo, seja o principal empecilho para o trabalho de Fernando Diniz em um clube de expressão nacional.- Não (é obvio implantar num time grande, com mais recursos), por causa dos dirigentes e por causa da pressão que existe.

Uma filosofia como essa não cai de paraquedas e funciona. Agora que ela está dando resultado no Audax.

Será que em um time grande, diante de outras pressões, como os dirigentes são flexíveis e tomam suas decisões de acordo com essa pressão, será que vai ser um ambiente tolerante para aguardar resultado dessa ótima filosofia que surgiu no Audax? – retrucou Éboli. LEIA TAMBÉM:Proposta do Cruzeiro atordoa o Bota, que tenta cartada para manter RicardoÀ espera de Gomes, Cruzeiro terá de agilizar planejamento do 2º semestre
.

Fonte: Globo Esporte