Londrina e Cruzeiro iniciam nesta terça-feira, às 21h30 (de Brasília), a disputa por uma vaga na terceira fase da Copa do Brasil. O jogo marca o retorno do Tubarão ao Estádio do Café, que estava fechado desde novembro para reformas e troca do gramado. É também o início da nova vida do time, que volta à Série B após 11 anos e está animado com a Copa do Brasil.

A Raposa espera pelo técnico que deve ser anunciado ainda nesta terça-feira e tenta uma vitória por dois gols de diferença para eliminar o jogo de volta.Na primeira fase da Copa do Brasil, o Londrina passou pelo Parauapenas-PA, vencendo as duas partidas (1 a 0, fora, e 6 a 0, em casa), enquanto o Cruzeiro eliminou o Campinense, com um empate sem gols na Paraíba e uma vitória por 3 a 2, no Mineirão.

O confronto marca ainda o reencontro entre os dois times após pouco mais de um ano, quando disputaram um amistoso no mesmo local, com vitória do Londrina, por 1 a 0. Além disso, eles repetem o duelo de 2002, quando disputaram uma vaga na mesma fase da competição.

Em casa, o Tubarão levou a melhor, vencendo por 1 a 0, mas quem garantiu a classificação foi a Raposa, ganhando por 2 a 0, no Mineirão.O Londrina aposta justamente no fator casa para levar um bom resultado para a partida de volta, em Belo Horizonte.

Para isso, o técnico Claudio Tencati pediu atenção para as jogadas do adversário pelos lados do campo e lembrou que o Tubarão também chega forte para a partida. Para conseguir um bom resultado em casa, o treinador deve fazer mudanças no time titular, apostando na marcação e na saída rápida ao ataque.

Confira a tabela da Copa do BrasilAinda à espera do seu novo treinador, que deverá ser anunciado ainda nesta terça-feira, o Cruzeiro sabe que terá dificuldades pela qualidade demonstrada pelo Londrina na Copa do Brasil e também pelo próprio futebol que mostrou até agora no ano. Os pontos de atenção são a bola aérea e a velocidade do ataque paranaense.

O técnico interino Geraldo Delamore chamou bastante atenção para esses pontos durante os treinamentos e para o fato de o Cruzeiro ainda estar em construção. Por isso, no final das contas, o mais importante será trazer um bom resultado para Belo Horizonte.

A arbitragem ficará a cargo de Marcio Henrique de Gois, auxiliado por Márcia Bezerra Lopes Caetano e Alex Ang Ribeiro, todos de São Paulo. A partida será acompanhada pelo Tempo Real do GloboEsporte.

com, com os vídeos dos principais lances.Londrina: o técnico Claudio Tencati fez mistério e sinalizou que pretende fazer mudanças no time titular, em relação ao que disputou a final do interior.

 As únicas mudanças confirmadas são a entrada Matheus na zaga, no lugar de Luizão, machucado, e a volta do volante Germano entre os titulares. Na lateral direita, Igor Bosel, apresentado na semana passada, foi regularizado e treinou entre os titulares.

No meio-campo, Zé Rafael fez dupla com Netinho no setor de armação, enquanto Paulinho Moccelin jogou ao lado de Itamar no ataque. Assim, um provável time titular é formado por Marcelo Rangel; Igor Bosel, Silvio, Matheus e Paulinho; Germano, Bidía, Netinho e Zé Rafael; Paulinho Moccelin (Jô) e Itamar (Bruno Batata).

Cruzeiro: o técnico interino Geraldo Delamore faz duas mudanças. Pisano entra no lugar do contundido Arrascaeta, e Léo volta de suspenso e vai jogar na zaga.

Assim, o Cruzeiro entra em campo com: Fábio; Lucas, Léo, Bruno Rodrigo e Sanchez Miño; Romero, Henrique, Élber, Pisano e Allano; Willian.Londrina: o lateral Romário e o volante Jumar fazem um trabalho de recuperação física, enquanto o zagueiro Luizão sofreu uma contusão no ombro e está fora.

 Cruzeiro: o departamento médico do Cruzeiro está bem cheio. Os novos integrantes são Arrascaeta, Robinho e Rafael Silva, que tiveram contusões nos últimos dias.

Além deles estão os zagueiros Dedé e Manoel, o lateral Mayke, os meias Marcos Vinícius e Alisson, além do atacante Judivan. Londrina: ninguém.

Cruzeiro: Rafael Silva.
.

Fonte: Globo Esporte